Comportamento

Enfermeira que “debochou” da vacina contra covid-19 foi demitida

Nathanna Ceschim criou polêmica nas suas redes sociais ao dizer que tomou a vacina apenas porque queria viajar. Ela também aparece sem máscara no trabalho.



Depois de publicar no seu Instagram vídeos em que aparecia sem máscara, equipamento imprescindível durante a pandemia e, em outro momento, falando mal e debochando da vacina contra a covid-19, a enfermeira Nathanna Ceschim foi demitida do Hospital da Santa Casa de Misericórdia de Vitória, no Espírito Santo.

Segundo o G1, a própria enfermeira confirmou o ocorrido. A Santa Casa informou que já tomou as providências que deveria e que não falará mais sobre o assunto. A polêmica surgiu a partir de publicações da enfermeira, dia 22, em seu perfil pessoal, aberto ao público.

Em um dos vídeos, ela aparece com o comprovante da imunização, dizendo que apenas tomou porque quer viajar, pois, segundo ela, uma vacina com 50% de eficácia na verdade seria água.


Em outra gravação, feita por ela mesma, Nathanna aparece andando nos corredores do hospital sem usar máscara.

Ela recebeu a primeira dose no dia 19, porque trabalhava na linha de frente no combate ao novo coronavírus, por isso estava na lista do grupo prioritário.

O Hospital Santa Casa de Misericórdia de Vitória e o Conselho Regional de Enfermagem (Coren/ES) decidiram abrir uma investigação sobre o comportamento da enfermeira. O Ministério Público do Estado (MP/ES) também vai acompanhar o caso.

Segundo o G1, a vacina que Nathanna tomou foi a CoronaVac, produzida pelo laboratório chinês Sinovac em parceria com o Instituto Butantan.


O caso está sendo apurado, já que a conduta da profissional é extremamente danosa à profissão, especialmente em um momento de profunda tensão com a pandemia.

Tanto o Coren quanto a Santa Casa, em nota oficial, afirmaram que o comportamento de Nathanna não é aceitável, já que a vacina é usada para salvar vidas e o uso da máscara dentro do hospital é obrigatório. Entidades e profissionais da área da saúde também se manifestaram publicamente, dizendo discordar do comportamento da enfermeira.

A enfermeira está sendo investigada não por falar em sua rede social sobre o que acredita ser certo ou errado, ela está nesse processo porque espalhou desinformação. De acordo com a reportagem do G1, Nathanna publicou em sua rede social uma série de informações erradas, influenciando as pessoas a não tomarem a vacina, uma vez que, sendo profissional da área da saúde, deveria compreender a eficácia do tratamento.

Talvez este seja o momento de mais empatia com o próximo!


E você, o que achou da postura da enfermeira?

Compartilhe com seus amigos nas redes sociais!

Em 2021, ame-se mais, coloque-se como prioridade e diga “adeus” a quem atrasa sua vida!

Artigo Anterior

Glória Menezes e Tarcísio Meira celebram amor e união duradoura com um beijo apaixonado!

Próximo artigo

Os comentários são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião deste site.