publicidade

Então não era amor

Difícil falar de você, mais ainda aceitar que acabou e que não vingou, saca? Eu adorava sair contigo sábado à noite por aí, tomar sorvete, rir das suas piadas infames e de suas crises de ciúmes. Ainda lembro que você odiava o meu perfume forte e sempre escolhia o refrigerante que eu ia beber e isso me tirava do sério, mas não falava nada, pois a garçonete poderia nos achar um desses casais ridículos que brigam à toa.



Sempre achei que tínhamos futuro. Estávamos terminando a faculdade e as perspectivas eram as melhores, eu sonhava com um emprego estável e você já galgava novos horizontes naquele estágio. De fato, tivemos muito a ganhar, mas separados. Isso sempre me intrigou, me causou duvidas e busquei motivos, razões e até justificativas. Como pessoas que aparentemente tão parecidas podem dar tão errado?

Aquela sua boca pequena, seu sorriso tímido, sua voz calma e olhar estreito, são coisas que eu não vou esquecer. Não devo. Só porque não deu certo? Não é justo. Procurei um pouco do teu cheiro na minha cama, naquela noite de chuva, o estranho foi que não encontrei. Aquilo me pareceu apático e superficial. Queria verdadeiramente uma lembrança tua.

Sério!


Rezei pela melhora de saúde da sua mãe, por todos aqueles desejos que me confidenciou, tentei acreditar nas coisas de amor que me falava, nos beijos que me roubava, joguei com a sorte quando deixei de ir naquele show sertanejo com você e seus amigos. Era o puro orgulho e a vontade de mostrar que meus sentimentos sempre foram bem resolvidos. Fiz questão de te deixar só, te dar escolhas, opções e principalmente liberdade.

Ainda escuto o som da tua voz dizendo que eu não tenho sentimentos, que eu nunca senti ciúmes, que eu era frio. Isso de fato mexeu comigo. Foi quando percebi que não era amor; o que eu sentia era carinho. Você curou meu coração partido. Era gratidão. Era tudo menos amor. Foi ai que te quis longe, fora, e me afastei, busquei entender e entendi. Não éramos bons amantes, éramos apenas bons amigos. Amor é igual um bom café que só deve ser servido quente, e o nosso nunca me aqueceu.

Fonte: Escrito por Rafael Almeida via Bendita Cuca 


Baixe o aplicativo do site O Segredo e acompanhe tudo de pertinho. Android ou IOS.

Texto escrito com exclusividade para o site O Segredo. É proibida a divulgação deste material em páginas comerciais, seja em forma de texto, vídeo ou imagem, mesmo com os devidos créditos.




Deixe seu comentário

Os comentários são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião deste site.