Escolha a gratidão… agradeça! Hoje é o seu “dia mágico”!



Hoje é o seu “dia mágico”!

Existem dias em que, mesmo sendo fortes, temos vontade de abandonar tudo e sumir, não ver ninguém.”

Uma vontade de preparar uma mala com um estoque de itens de sobrevivência na selva, como se fossemos hibernar para um tenebroso inverno. Sumir por um período, viver a vida e passar todo esse “inverno” em uma grande aventura, como um mochileiro! Sim! Vontade de caminhar sem destino… solitário!

Se prestar atenção, uma gota d´água desacelera dessa longa caminhada. Desilusão, indignação, frustração, paciência esgotada, e assim vão-se o dia, o mês, a vida!

É muito pesado ter que testemunhar todos os dias tanta violência contra a alma humana.  Como um teatro repleto de mentiras as quais se é obrigado a engolir e conviver! Vive-se uma incansável luta pela sobrevivência e valores externos: reconhecimento, dinheiro, status, poder e a tal felicidade! Uma luta inquebrantável que até desistimos de procurar a verdade e o amor.
E a jornada torna-se mais longa.

Qual o sentido desta insana corrida diária?

Percebo, ao mesmo tempo, que estou exatamente no lugar onde coloquei minhas crenças. Mas cheguei onde minha fé teve a capacidade de alcançar!  Estou, embora não possa acreditar, onde no fundo da alma desejei estar! Estou onde acreditei que merecia!

E você quais suas crenças? Onde deseja chegar?

Como pude desejar tão pouco dentro de mim e, ao mesmo tempo, desejar tanto fora de mim!

Mas o momento, onde tudo pode ser transformado é exatamente, aqui e agora! Agora é a hora, é a oportunidade de não continuar esse envenenamento! Agora, posso escolher destruir essa ilusão, pois eu criei esse falso interior! Posso escolher afastar as coisas com as quais não concordo mais. Posso encontrar neste instante de decisão, verdadeiramente minha existência e essência, abandonar as velhas escolhas…  será um processo dolorido, mas e daí?



Há uma força maior que tudo impele para a cura. E nesse cenário, foi necessário perder-se na insanidade, para encontrar a sanidade da cura e da verdadeira identidade. Foi vital cegar-me para enxergar a sabedoria enterrada e resgatar meu verdadeiro sentimento. Calo-me, diante desta inquebrantável e poderosa Presença, de minha Divina Essência, que habita as profundezas de meu ser.

Dispo-me, para vestir-me com uma nova “carne”. Há sereno suspiro, desse grande milagre da vida!

Foi necessário que eu me perdesse na mágoa, para encontrar o perdão, que eu me isolasse para aprender a compartilhar a felicidade, pois somos mais, podemos mais!

A felicidade só é verdadeira quando é compartilhada! O tempo passa, não podemos controlar, por mais que relutemos, ele é pragmático! É possível renascer e crescer em uma nova direção, ser melhor!

É possível nova vida, sem esperar o último suspiro… escolha a gratidão! Agradeça! Hoje é o seu “dia mágico”! Ouça sua magnânima voz interior, que grita: “Vá, siga em frente, agora é com você!

_____________

Direitos autorais da imagem de capa: evgenyatamanenko / 123RF Imagens






Deixe seu comentário

Os comentários são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião deste site.