Notícias

Escrig usou milhões de conta conjunta com Simaria para comprar Bitcoin

Foto: Reprodução
escrig

Um outro fato curioso que consta nos processos entre Simaria e o ex-marido Vicente Escrig os quais a coluna teve acesso, é sobre uma conta conjunta que o casal possuía.

Esta coluna descobriu que Vicente Escrig retirou o equivalente a R$ 1,8 milhão da conta para adquirir criptomoedas, mais especificamente o Bitcoin.

Também consta no processo que, após ser expulso de casa, o espanhol teria ficado sem dormir e sem bens. Com isso, teria retirado a quantia e investido na criptomoeda.

O ex-marido da cantora teria feito tudo isso após pedir à Justiça que Simaria pagasse o aluguel de sua casa.

Screenshot 87

Direitos Autorais: Reprodução/Redes Sociais

Possível desvalorização da quantia milionária

Atualmente a criptomoeda é negociada em aproximadamente R$ 100 mil a unidade (isso mesmo, a unidade). Nos dias de hoje, com R$ 1,8 milhão é possível adquirir 18 Bitcoins. No entanto, se levarmos em conta que os processos entre Simaria e Escrig se desenrolam desde meados de 2021, é possível especular que o empresário tenha perdido grande parte deste valor.

Isso acontece pois o Bitcoin vem em forte desvalorização. Em novembro de 2021, a criptomoeda custava o equivalente a 350 mil reais. Caso Vicente tenha adquirido a moeda nesta época, é possível afirmar que os mais de R$ 1,8 milhão podem ter se tornado, “apenas” R$ 500 mil.

0 %