publicidade

Essa mulher teve seu rosto ‘photoshopado’ em 22 países para entender os padrões de beleza do mundo!

A jornalista americana Esther Honig teve uma ideia brilhante para entender e analisar os diferentes   padrões de beleza ao redor do mundo.



Ela enviou uma foto sua para mais de 40 profissionais de Photoshop de diferentes países e seu pedido era: Faça-me bonita.

Alguns não responderam, mas os que enviaram de volta uma nova versão de seu rosto inspirou a jornalista a dar continuidade com o projetoBefore & After (“Antes e Depois”, em tradução livre).

O resultado ficou realmente fantástico e surpreendente. Vemos com clareza como cada país entende o que é bonito.

Acompanhe.



Esther Honig de cara limpa. Sem Photoshop.

01

Fonte: estherhonig.com



Argentina

02

Fonte: estherhonig.com

Austrália

03

Fonte: estherhonig.com

Bangladesh

04

Fonte: estherhonig.com

Chile

05

Fonte: estherhonig.com

Alemanha

06

Fonte: estherhonig.com

Grécia

07

Fonte: estherhonig.com

Índia

08

Fonte: estherhonig.com

Indonésia

09

Fonte: estherhonig.com

Israel

010

Fonte: estherhonig.com

Itália

011

Fonte: estherhonig.com

Quênia

012

Fonte: estherhonig.com

Marrocos

013

Fonte: estherhonig.com

Paquistão

014

Fonte: estherhonig.com

Filipinas

015

Fonte: estherhonig.com

Romênia

016

Fonte: estherhonig.com

Sérvia

017

Fonte: estherhonig.com

Sri Lanka

018

Fonte: estherhonig.com

Reino Unido

019

Fonte: estherhonig.com

Ucrânia

020

Fonte: estherhonig.com

Estados Unidos

021

Fonte: estherhonig.com

Vietnã

022

Fonte: estherhonig.com

Venezuela

023

Fonte: estherhonig.com

Todos juntos 😉

024

 

Fonte: estherhonig.com

Você pode conhecer mais detalhes do projeto de Esther em seu site oficial.

Gostou do que viu? Então clique no botão abaixo e compartilhe esse belo trabalho com seus amigos e familiares.


Via: Awebic

 

 

Baixe o aplicativo do site O Segredo e acompanhe tudo de pertinho. Android ou IOS.

Texto escrito com exclusividade para o site O Segredo. É proibida a divulgação deste material em páginas comerciais, seja em forma de texto, vídeo ou imagem, mesmo com os devidos créditos.




Deixe seu comentário

Os comentários são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião deste site.