publicidade

Esta vitamina poderia prevenir 90% dos casos de câncer da mama!

Um diagnóstico de câncer de mama pode ser completamente debilitante para mulheres, família e amigos.



Pesquisas estão constantemente sendo realizadas na prevenção e cura de câncer, e novos estudos mostram que uma certa vitamina pode ser a chave para a prevenção de um grande número de diagnósticos de câncer da mama.

A vitamina D para a prevenção do câncer da mama

A vitamina D foi previamente estudada por seus benefícios na prevenção de diversas doenças, incluindo doenças cardíacas, diabetes e depressão.

Os pesquisadores estão agora testando as teorias que podem ser capazes de ajudar a prevenir o câncer da mama. A ligação entre a deficiência de vitamina D e câncer foi testada e confirmada em mais de 200 estudos epidemiológicos. Um estudo foi conduzido por Joan Lappe e Robert Heaney.
esta-vitamina2


No estudo, um grupo de mulheres na menopausa recebeu a vitamina D, a fim de aumentar os seus níveis de soro de para 40 ng/ml. Os pesquisadores descobriram que, após quatro anos, estas mulheres tiveram uma redução de 77% na ocorrência de todos os cânceres.

Vários fatores de risco para desenvolver câncer de mama são conhecidos. Com algumas mudanças de estilo de vida, você pode ser capaz de reduzir o risco.

Fumar, beber e dieta são apenas alguns dos fatores que afetam um diagnóstico de câncer. Mas esta nova pesquisa pode levar a prevenção do câncer de mama para um novo nível.



Então, como isso funciona?

Dr. Cedric Garland F. da  University of California’s San Diego Moores Cancer Center é um integrante da presente pesquisa. Ele explica que, em quase todas as formas de câncer de mama, a vitamina D afeta a estrutura das células epiteliais. Estas células específicas são mantidas juntas por uma substância conhecida como Caderina-E, que é composta principalmente de vitamina D e cálcio. Sem vitamina D suficiente, a estrutura colapsa e as células se multiplicam, o que conduz ao câncer em muitos casos. Se alguém já tiver sido diagnosticado com câncer de mama, adicionar uma quantidade suficiente de vitamina D na dieta pode ajudar a parar células cancerosas, repondo a Caderina-E no corpo.

Carole Baggerly, fundadora da GrassrootsHealth.com, têm o objetivo de espalhar a palavra sobre o papel crucial que a vitamina D pode desempenhar em muitos aspectos da nossa saúde. Baggerly acredita que otimizar os níveis de vitamina D pode ajudar a impedir mais de 16 tipos diferentes de câncer, incluindo pâncreas, pulmão, ovário, mama, próstata e câncer de pele. Quando se trata de câncer de mama, ela diz que 90% do câncer de mama normal está relacionado à deficiência de vitamina D. Dos 30.000 genes no organismo, a vitamina D afeta quase cada um deles.


Quanto devo tomar?

esta-vitamina3

Então, qual a quantidade ideal de vitamina D devemos tomar? O primeiro passo é medir os seus níveis para encontrar a quantidade ideal para você. Em geral, cerca de 20 minutos de exposição ao sol cada dia é recomendado, entre 10:00 e 14:00 horas. Se você está tomando um suplemento de vitamina D, deve-se tomar 50-70 ng/ml por dia.


 

* Nota: As informações e sugestões contidas neste artigo têm caráter meramente informativo. Elas não substituem o aconselhamento e acompanhamentos de médicos, nutricionistas, psicólogos, profissionais de educação física e outros especialistas.

________

Traduzido pela equipe de O SegredoFonte: David Wolfe

Baixe o aplicativo do site O Segredo e acompanhe tudo de pertinho. Android ou IOS.

Texto escrito com exclusividade para o site O Segredo. É proibida a divulgação deste material em páginas comerciais, seja em forma de texto, vídeo ou imagem, mesmo com os devidos créditos.




Deixe seu comentário

Os comentários são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião deste site.