3min. de leitura

Estar junto não é o mesmo que estar presente!

Será que, quando estamos juntos, conseguimos estar presentes na vida das pessoas que nos amam e que amamos?

Estar junto, seja no mundo real ou virtual, hoje em dia é fácil. Normalmente, estamos dividindo nossa atenção com várias pessoas e coisas ao mesmo tempo. Por isso, é difícil estar realmente presente.


Quando estamos apenas juntos, conversamos com as pessoas mais próximas ao mesmo tempo em que assistimos novela ou olhamos o Facebook, por exemplo. Fazemos refeições juntos, em família, ao mesmo tempo em que lemos as mensagens dos grupos do WhatsApp. A atenção, que deveria estar voltada para uma pessoa, é dividida entre várias e nenhuma, ao mesmo tempo.

Estar presente é bem diferente de estar junto.

Estar presente é conversar com o (a) companheiro (a) olho no olho ou apenas coração com coração, caso estejam distantes, num momento em que o que importa é somente aquela conexão entre os dois mundos, um interesse tão profundo sobre a vida do outro, que esquecemos o tempo e tudo que está ao nosso redor.

Estar presente é perguntar ao filho como foi na escola, o que ele aprendeu de novidade, e conseguir ouvi-lo por pelo menos cinco minutos, sem interromper ou ir fazer outra atividade em paralelo.


Estar presente é ouvir um “vamos brincar?” e conseguir largar a TV e o celular para focar somente naquele momento.

É contar histórias e canções de ninar ao invés de deixar por conta do Tablet.

Óbvio que na rotina corrida que temos, não conseguimos estar presentes na vida dos filhos sempre que eles precisam, e recorremos às “babás eletrônicas” para ajudar. E não conseguimos estar presentes sempre que nossos companheiros ou amigos precisam de nós, porque também precisamos de momentos a sós, com nós mesmos, para pôr os pensamentos no lugar.


Mas quando conseguimos estar presentes na vida do outro, nem que seja por um momento, acontece uma coisa “mágica” de tão incomum que se tornou: nós nos sentimos maravilhosamente bem! Sentimos nossa alma conectada, verdadeiramente, com a outra, sem precisar de internet.

Que possamos estar mais presentes na vida um dos outros! Essa é uma das mais verdadeiras demonstrações do amor.
____________

Direitos autorais da imagem de capa: stockbroker / 123RF Imagens





Deixe seu comentário

Os comentários são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião deste site.