ReflexãoRelacionamentos

Este é o meu “obrigada” a você, e este é o meu aDeus!

este é o meu

As despedidas mais dolorosas são aquelas que nunca foram ditas ou deixadas sem explicação.



Eu quero que este seja o meu adeus – o sol já se tinha posto para nós e a estrela da manhã não podia iluminar o nosso caminho para fora da noite escura.

A queda sem sentido das ondas contra a costa ecoa a raiva dentro de mim, mas não tenho mais nada para lutar, o horizonte está envolto em vermelho, laranja e amarelo, uma tapeçaria de uma ilusão perfeita, algo que não podemos replicar mais.

Temos descuidadamente jogado as palavras para fora e deixado o outro espancado e ferido além de reparos.


Eu entendo que ainda estamos no processo de crescimento, consertando-nos com os pedaços que nossos casos anteriores nos deixaram.

este-e-o-meu

Mas crescer significa perder pessoas com quem pensávamos que ficaríamos, pessoas que pensamos que aceitariam a série de bons e maus em nós, pessoas que pensamos que nos segurariam quando caíssemos. E nenhum livro ou filme pode nos preparar para esses momentos.

Nossas memórias felizes já não podem ajudar a mover o nosso relacionamento para frente.


Eu acho que, em parte, devo ser responsabilizada porque eu tinha sede e fome de mais quando sabia que não deveria. Mas, talvez, você também deva ser responsabilizado, porque nunca se abriu nem me aceitou pelos meus defeitos, e isso é tudo que eu sempre quis.

Com você, eu aprendi a ser forte e como enfrentar o mundo sozinha. Eu experimentei sentimentos que antes eram estranhos para mim, sentimentos que eu precisava processar, entender e definir. Com você, eu vi o mundo de uma perspectiva diferente.

Você me ensinou a encontrar a pessoa que eu sou hoje; a versão que eu nunca pensei que seria.

Eu gostaria de poder saber o que você aprendeu de mim. Mas você tem uma maneira diferente de lidar com as coisas. Eu gostaria de poder saber como te impactei, mas não ouso perguntar. Eu acredito que há coisas que não devem ser ditas.


Nós já não podemos salvar o navio afundado, não podemos mais parar o fogo selvagem que cresce. Estamos cansados e temos medo de dar-nos outra chance, porque nós sabemos que não podemos dizer “Olá” sem arriscar outro “Adeus.”

Então deixo o meu adeus ao passado que nós compartilhamos. Meu adeus a você. Eu acho que é aqui que terminamos. Sem mais bloqueios. Sem mais ansiedade. Vamos dar um ao outro um respiro. Vamos dar um ao outro uma pausa.

___

Traduzido pela equipe de O SegredoFonte: Thought Catalog


É por isso que você nunca deve lavar frango cru antes de cozinhá-lo!

Artigo Anterior

Isto é o que acontece com seu corpo quando você bebe muita água por 30 dias:

Próximo artigo

Os comentários são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião deste site.