publicidade

Estou numa fase da vida em que a paz se tornou mais valiosa do que qualquer riqueza!

Quanto mais o tempo passa, mais aprendemos que as pessoas felizes de verdade não são as que têm mais dinheiro no bolso, mas as que têm paz no coração!



Quando crescemos e nos tornamos adultos de verdade, começamos a enxergar a vida sob uma perspectiva diferente. Muitas coisas que antes pareciam imprescindíveis acabam perdendo o valor, e outras que não enxergávamos como tão importantes, passam a ocupar um espaço muito significativo em nossas rotinas.

Sem dúvida alguma, uma das coisas que se tornam fundamentais com o passar dos anos é a paz. Conforme vivemos mais experiências e nos deparamos com diferentes tipos de realidade e companhias, percebemos que uma vida tranquila, em que não perdemos tempo com fofocas nem temos ao nosso redor pessoas negativas, que sugam a nossa energia, é o melhor que podemos almejar.

Nós entendemos que o dinheiro e o reconhecimento social podem ser sim muito importantes para qualquer pessoa e certamente nos ajudam a construir uma vida mais confortável e segura para nós mesmos, mas que nenhuma riqueza pode comprar a tranquilidade de deitar a cabeça sobre o travesseiro todas as noites, sabendo que estamos livres de qualquer problema, pois vivemos em paz com a vida e com nós mesmos.


Quanto mais maduros nos tornamos, mais reconhecemos que as verdadeiras riquezas da vida não podem ser compradas com dinheiro.  

Deixamos de nos importar com coisas pequenas, como o que as pessoas pensarão de nossas atitudes ou como impressionar aqueles que não estão nem aí para nós, e começamos a permitir que nossas mentes e corações busquem objetivos mais concretos e saudáveis, como nos afastar de hábitos negativos e construir uma história que nos traga orgulho, ao contrário de medo e insegurança.

Paramos de gastar nosso tempo procurando metas temporárias e baseadas em razões fúteis e começamos a pensar em como viver com a paz verdadeira, que vale muito mais do que qualquer gratificação instantânea, que no dia seguinte já perdeu o seu valor.

Quando chegamos a certa idade, paramos de enxergar a vida como uma constante competição e passamos a entender que ela se trata de uma jornada de aprendizados, com momentos bons e ruins, e na qual o verdadeiro preço não é ter mais dinheiro no bolso, mas sim um coração cheio de paz e sentimentos positivos.


Ao alcançarmos a verdadeira maturidade, entendemos que não há nada que nos possa fazer mais felizes do que uma mente tranquila e um coração confortável, e a partir daí a nossa história começa a mudar.

Baixe o aplicativo do site O Segredo e acompanhe tudo de pertinho. Android ou IOS.

Texto escrito com exclusividade para o site O Segredo. É proibida a divulgação deste material em páginas comerciais, seja em forma de texto, vídeo ou imagem, mesmo com os devidos créditos.




Deixe seu comentário

Os comentários são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião deste site.