Comportamento

Estranho pede para mãe que amamentava se cobrir e ela lhe dá a resposta perfeita!

Foto: Reprodução
Mulher que amamentava filho dá a resposta perfeita para estranho que pediu para ela se cobrir

O estranho com certeza pensará duas vezes antes de fazer o pedido a outra mulher!

A amamentação em público está entre uma das polêmicas que mais tem sido debatidas nos últimos tempos.

Embora o ato de amamentar esteja presente em nossa sociedade desde o início da vida humana na Terra, sendo fundamental para a sobrevivência dos bebês, são muitas as pessoas que acreditam que ele deve sempre acontecer de maneira privada, apenas entre mãe e filho, por considerarem uma exposição do corpo das mulheres.

Há uma grande discussão acerca desse tema, seja em conversas presenciais ou nas redes sociais, o que resulta em muitas mães optando por “se esconderem” mesmo acreditando que têm o direito de alimentar os seus filhos em qualquer lugar que estiverem, sem precisarem dar satisfação a outras pessoas.

No entanto, muitos daqueles que discordam desse ponto de vista buscam maneiras de defenderem o seu direito e de deixarem claro que a amamentação é um gesto natural, e a maldade está nos olhos de quem vê.

A seguir, trouxemos a história de uma mãe que deu a resposta perfeita a estranho que tentou lhe impedir de amamentar o seu filho em público.

De acordo com informações do Today, Melanie Dudley estava em um restaurante com seu filho de 3 meses quando precisou amamentar. Como estava muito calor, ela resolveu amamentar ali mesmo, levantando a sua blusa.

Melanie ficou de costas para os outros clientes durante o ato, e tentou amamentar da maneira mais discreta possível, mas mesmo assim foi abordada por uma das pessoas que estava no local, que pediu que ela se cobrisse.

A mulher confessou que o pedido a deixou bastante atordoada, mas acabou tendo uma ideia e pediu para o seu marido lhe passar a manta do bebê.

Sem pensar duas vezes, Melanie colocou a manta sob a sua cabeça. A mulher disse que essa foi apenas a forma que encontrou de responder ao estranho, já que não tinha palavras para ele.

2 Estranho pede para mae que amamentava se cobrir e ela lhe da a resposta perfeita

Direitos autorais: Reprodução / Facebook

O marido tirou uma foto do momento e compartilhou com a sua mãe. Ela, por sua vez, postou no Facebook, e após um de seus amigos postarem a imagem em uma página de grande alcance, o retrato viralizou, arrematando milhares de curtidas e comentários de apoio de pessoas do mundo todo.

Melanie, que também tem filhos gêmeos de 4 anos, explicou que sempre que precisa amamentar em público buscar disfarçar, embora isso seja algo novo para ela, pois nunca teve problema quando precisou amamentar os gêmeos fora de casa.

Quando a imagem foi compartilhada nas redes sociais, a família não tinha nenhuma intenção de que ela viralizasse. Por isso, a mãe pontuou que a resposta das pessoas à imagem foi bastante surpreendente.

3 Estranho pede para mae que amamentava se cobrir e ela lhe da a resposta perfeita

Direitos autorais: Arquivo pessoal

Apesar de ter recebido comentários negativos, de pessoas que concordam que ela deveria ter encontrado uma outra maneira de amamentar o seu filho, a maioria dos internautas a apoiaram em sua escolha.

Melanie contou que muitas das pessoas que não a apoiaram na amamentação em público disseram que ela poderia ter amamentado o filho dentro de um banheiro, mas a mãe rapidamente deixou a ideia de lado, pontuando que se trata de um hábito bastante anti-higiênico.

4 Estranho pede para mae que amamentava se cobrir e ela lhe da a resposta perfeita

Direitos autorais: Arquivo pessoal

Depois de ter dado a resposta perfeita para o homem, que com certeza não abordará outra mulher da mesma maneira tão cedo, Melanie agora espera que a sua história motive outras mães a não se intimidarem com pessoas que tentam proibir a sua amamentação.

Espero que o ritmo continue crescendo. Vamos apoiar as mulheres que querem amamentar em público, com ou sem disfarce“, disse ela. “Apenas faça o que quiser. Não está prejudicando ninguém.”