Estudante que trabalhava como lixeiro é aprovado no curso de Direito, em Harvard!

Jovem de 24 anos é aceito em mais quatro instituições e se especializará em Direito em uma das universidades mais prestigiadas no mundo, Harvard. Que grande conquista!



A história de Rehan Staton, que vive em Maryland, nos Estados Unidos, é cheia de superação. Em entrevista ao Washington Post, para falar sobre sua conquista recente, ele também compartilhou todos os desafios que enfrentou nos últimos anos.

Quando tinha 8 anos, ele, seu pai e um irmão foram abandonados pela mãe, e voltaram para o país natal, Sri Lanka. A família vivia grandes dificuldades financeiras e o pai precisou trabalhar em três empregos para sustentá-la, mesmo assim, o três chegaram a enfrentar a fome e a falta de eletricidade.

Durante toda a sua infância, Rehan foi exposto a grandes problemas em todas as áreas da vida. Além dos desafios em casa, também passava por dificuldades na escola. Ele contou que seus professores não confiavam em sua capacidade e que se sentia muito mal na escola.


O esporte foi de grande ajuda para ele nessa fase, mas depois de sofrer de problemas digestivos e musculares, e não ter plano de saúde para se tratar, ele precisou abandonar o sonho de ter uma carreira como atleta.

Ao concluir o ensino médio, o jovem se inscreveu na faculdade, mas foi rejeitado em todas, foi então que decidiu começar a trabalhar na empresa de coleta de lixo Bates Trucking & Trash Removal.

Foi lá que a sua vida passou por uma grande mudança, quando os seus colegas de trabalho o incentivaram a tentar entrar na faculdade novamente. Na entrevista, ele contou que essas pessoas foram as únicas que disseram que ele poderia ser alguém.


Brent Bates, filho do dono da empresa, ajudou Staton a entrar em contato com um professor da Universidade Estadual Bowie, que o ajudou até que ele fosse aceito, e partir daí as coisas começaram a melhorar.

Depois de dois anos, Staton se transferiu para a Universidade de Maryland, para concluir o restante de sua graduação, e os estudos tomavam grande parte de seu tempo, foi então que o irmão começou a trabalhar para que Rehan pudesse se concentrar apenas na faculdade.

No entanto, no segundo semestre, na nova universidade, seu pai sofreu um derrame e ele precisou voltar a trabalhar na empresa de lixo para pagar as contas e as despesas médicas.

Essa foi uma época muito complicada pois, de acordo com Rehan, conciliar trabalho e estudo não é fácil. Por três anos, ele acordava antes do amanhecer, passava todas as manhãs carregando lixo e limpando lixeiras, e depois ia direto para a Universidade de Maryland.

Às vezes, não tinha tempo para tomar banho, por isso se sentava fundo da sala de aula para evitar olhares e julgamentos, o que sempre acabava acontecendo, segundo relatado por ele.

Felizmente, depois de muitos desafios, todos esses obstáculos foram vencidos e Rehan se formou, conseguiu um emprego numa empresa nacional de consultoria e foi aprovado em Harvard para se especializar em Direito do Esporte e tornar-se um agente.

Também foi aceito na faculdade de Direito da Columbia University, da University of Pennsylvania, da University of Southern California e da Pepperdine Law.

Ele foi aceito em uma das universidades de maior prestígio em todo o mundo, onde muitos sonham em estudar. O jovem provou sua determinação para todas as pessoas que duvidaram de sua capacidade, e provou também que nenhum objetivo é grande demais para as pessoas que não desistem.

Rehan tem a admiração do irmão, do pai, dos colegas de trabalho e também de todas as pessoas que conhecem a sua história e torcem por seu sucesso.

O jovem diz que ninguém pode prometer que a vida será justa, mas que, se não perdermos o foco, tudo se encaixará.

Certamente, sua história é um grande exemplo para todos nós. Que ele seja muito bem-sucedido nessa nova etapa de sua vida!

 

Direitos autorais da imagem do texto: reprodução Facebook/Rehan Staton.

Baixe o aplicativo do site O Segredo e acompanhe tudo de pertinho. Android ou IOS.

Texto escrito com exclusividade para o site O Segredo. É proibida a divulgação deste material em páginas comerciais, seja em forma de texto, vídeo ou imagem, mesmo com os devidos créditos.




Deixe seu comentário

Os comentários são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião deste site.