4min. de leitura

Eu excluo as pessoas tóxicas da minha vida não porque as odeie, mas por respeitar a mim mesmo

Precisamos desenvolver a capacidade de excluir companhias tóxicas de nossas vidas. Essas energias enchem os nossos dias de negatividade e impedem que atinjamos o nosso verdadeiro potencial.


Chega um momento na vida da gente em que somos obrigados a fazer uma avaliação criteriosa das pessoas que estão ao nosso lado.

Por mais que sejamos apegados a algumas companhias, precisamos saber o momento certo de deixar ir, de libertar quem não nos acrescenta e abrir espaço para a construção de relacionamentos mais fortes e positivos.

Desapegar-se de certas pessoas e deixar algumas relações para trás faz parte do processo de evolução de cada um.

É impossível amadurecer e conquistar coisas novas, se nossas vidas forem sempre iguais, dia após dia, ano após ano.


Precisamos desenvolver a capacidade de excluir companhias tóxicas de nossas vidas. Essas energias atrapalham o nosso crescimento, enchem nossos dias de negatividade e impedem que atinjamos o nosso verdadeiro potencial.

Elas nos invejam, tentar sabotar nossos caminhos e fazem de tudo para que as pessoas que estão ao nosso redor nos vejam com maus olhos, especialmente aqueles que podem nos oferecer maiores oportunidades de sucesso.

Todos nós temos pessoas tóxicas por perto e, na grande maioria das vezes, sabemos quem elas são, mas muitas vezes não somos capazes de cortar esses vínculos, por sermos apegados à pessoa ou por guardarmos em nossas mentes as coisas que elas fizeram para nos ajudar.


No entanto, a vida não é vivida no passado. Não podemos forçar um relacionamento no presente, apenas porque a pessoa, um dia, foi importante em nossas vidas.

Devemos nos colocar em primeiro lugar, pensar em nossa saúde mental e emocional e em todos os planos que temos para nossas vidas.

Se tivermos sempre companhias tóxicas ao nosso redor nunca poderemos atingir o nosso verdadeiro potencial e viver tudo aquilo que o Universo nos reserva, porque teremos ao nosso lado uma fonte inesgotável de inveja e pessimismo, que afastará todas as coisas boas da vida para bem longe de nós.

Muitas vezes pode ser doloroso cortar algumas pessoas de nossas vidas mas temos que fazê-lo, para nosso próprio bem. Não porque as detestamos, mas porque temos respeito por nós, o suficiente para preservar a nossa alegria e qualidade de vida. Porque sabemos que não podemos ser realmente felizes se as pessoas à nossa volta estão a todo momento tentando nos fazer ficar tristes e porque reconhecemos que merecemos muito mais do que uma vida sem emoção ou valor.

Devemos nos afastar das pessoas tóxicas não porque as odiamos, mas por sabermos que a vida pode ser muito mais interessante sem elas.


Texto escrito com exclusividade para o site O Segredo. É proibida a divulgação deste material em páginas comerciais, seja em forma de texto, vídeo ou imagem, mesmo com os devidos créditos.


Direitos autorais da imagem de capa: Brooke Cagle/Unsplash.





Deixe seu comentário

Os comentários são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião deste site.