Notícias

“Eu não estou pedindo dinheiro, nada. Estou pedindo para cuidar do meu filho”

medico marinha pai

Um tenente médico da Marinha do Brasil denunciou ter sofrido ataques de hackers, que invadiram e excluíram sua conta no Instagram depois de ele revelar sua luta para dedicar mais tempo ao filho recém-nascido. O bebê, que foi gerado em barriga solidária de uma amiga do oficial, vai completar 5 meses de vida no próximo dia 17.



Pai solo e homossexual, o oficial buscou a Justiça após as Forças Armadas negarem o pedido dele de licença-paternidade nos moldes da licença-maternidade.

Com exclusividade, o Metrópoles contou a luta do urologista Tiago de Oliveira Costa, de 37 anos, pai solo de Henry. No Instagram, o oficial publicou dezenas de fotos com o bebê, que nasceu em Goiânia, após o material genético do médico ser inseminado artificialmente em óvulo de doadora anônima e depois transferido para o útero de uma amiga dele. O profissional atua no Hospital Naval de Brasília.

“Estou sendo alvo de represália e censura nas minhas próprias redes sociais. Meu perfil não foi bloqueado pelo próprio Instagram porque não tinha nada que violasse as regras ou diretrizes do aplicativo”, afirmou Costa, que ingressou nas Forças Armadas em 2018.


Impedimento

Depois de ser divulgada a história de luta, centenas de internautas manifestaram solidariedade ao profissional e seu filho. Os dois não passam mais tempo juntos porque a Marinha negou pedido de licença-paternidade (20 dias) nos moldes da licença-maternidade (180 dias) para o militar, em maio, um mês antes de o bebê nascer.

Medico Tiago Costa brinca com filho o recem nascido Henry Goiania Goias 768x1024 1

Direitos autorais: arquivo pessoal.

A instituição alegou falta de previsão legal para atender à solicitação de Tiago, que aguarda pronunciamento da 9ª Vara da Seção Judiciária do Distrito Federal para tentar reverter a decisão da Marinha do Brasil.


Na última publicação, o oficial agradece a todos que conheceram a batalha da família por meio da reportagem do portal. Na ocasião, o médico destacou a importância de buscar a garantia de direitos de uma criança.

“Eu e o Henry gostaríamos de agradecer a cada pessoa que viralizou a matéria que saiu no. Estamos felizes com a repercussão sobre o tema. Quando fere um direito de uma criança (e é nosso filho), a gente enfrenta o mundo se for preciso. E deixo claro: não vamos retroceder”, disse o militar, em sua última publicação, antes de o perfil ser invadido.

“É muito triste e revoltante a gente ver que ainda existem pessoas que não conseguem respeitar a diversidade e, sobretudo, que se incomodam com a luta pelo direito de crianças. O Henry deve ter o direito de eu acompanhá-lo mais de perto nos primeiros meses de vida dele. Isso é amor e cuidado”, ressaltou o oficial.

Bebe Henry encanta em foto com o pai Tiago Costa Goiania Goias 768x1024 1

Direitos autorais: arquivo pessoal.


O médico tem rotina de trabalho que, às vezes, ultrapassa 50 horas semanais na Marinha, a depender da escala. Tiago diz que só não está em situação mais preocupante porque, assim que Henry nasceu, obteve licença de 180 dias pelo Instituto de Gestão Estratégica de Saúde do Distrito Federal (Iges-DF), onde atende pacientes 18 horas por semana.

No STF

Recentemente, ao analisar caso semelhante, o Supremo Tribunal Federal (STF) começou a julgar a constitucionalidade da extensão da licença-maternidade a pai solteiro servidor público. A decisão deve ter repercussão geral e, por isso, caso seja favorável, passará a ser adotada pela Justiça brasileira.

Medico da Marinha Tiago Costa com filho apos parto em Goiania Goias 768x1024 1

Direitos autorais: arquivo pessoal.


Na modalidade de reprodução humana assistida escolhida, a gestante não é considerada mãe do bebê, e o pai genético torna-se o único responsável pelo recém-nascido logo após o parto. Por isso, o genitor é chamado de “pai solo”.

Não houve  retorno da Marinha do Brasil sobre o pedido do médico. Ele disse que também já relatou o caso de invasão de seu perfil para o Instagram, mas ainda não recebeu resposta da rede social.

Medico Tiago Costa em ensaio com filho recem nascido Heny Goiania Goias 877x1024 1

Direitos autorais: arquivo pessoal.

 


Quantos cães você vê na foto? Este teste viral está confundindo a visão de muitos!

Artigo Anterior

Abusada pela mãe, maridos, produtores e obrigada a fazer abortos: a triste vida de Judy Garland

Próximo artigo

Os comentários são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião deste site.