publicidade

Existem casais compostos por rivais

Eu acredito que quando buscamos um parceiro para nos relacionarmos, estamos em busca de amor, harmonia e paz. A ideia é que o outro venha agregar, tornando a nossa vida ainda mais significativa.



Em sã consciência, ninguém idealiza um relacionamento que venha roubar a sua paz, transformando o seu cotidiano numa atmosfera angustiante.

Idealizamos alguém que sorria conosco, que nos apoie nas dificuldades, que troque carinho, atenção e afeto e que, acima de tudo, seja um grande amigo, ou quem sabe, o nosso melhor amigo. Ocorre que, na prática, a coisa não funciona bem assim, infelizmente. Muitos relacionamentos têm se transformado num palco de grandes sofrimentos e desgastes para os envolvidos.

Ao invés de cúmplices, os parceiros se comportam como verdadeiros rivais. A gentileza, o carinho e o respeito do início do namoro são substituídos pela grosseria, pela hostilidade e pelo desrespeito.

Ao que parece, para muitas pessoas, a intimidade, ao invés de ser vista como algo acolhedor, se transforma num contexto ideal para externar o lixo emocional que elas carregam. E elas despejam tudo no parceiro, sem o menor filtro ou cerimônia.


Eu imagino que muitas pessoas olham os próprios parceiros e ficam tentando encontrar alguma razão que justifique eles ainda estarem juntos, isso serve para ambos os gêneros.

Daí se dão conta de que todo o encanto se perdeu, elas já não os percebem nem como amigos, imaginem como amores.

É praticamente impossível manter a admiração por alguém que não pensa duas vezes em nos magoar.

Eu, particularmente, percebo a admiração como irmã gêmea do amor, então, quando ela vai embora, o irmão vai junto, de carona.



Direitos autorais da imagem de capa licenciada para o site O Segredo: wavebreakmediamicro

Baixe o aplicativo do site O Segredo e acompanhe tudo de pertinho. Android ou IOS.

Texto escrito com exclusividade para o site O Segredo. É proibida a divulgação deste material em páginas comerciais, seja em forma de texto, vídeo ou imagem, mesmo com os devidos créditos.




Deixe seu comentário

Os comentários são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião deste site.