6min. de leitura

Faça como a lagarta que entra no problema rastejando e sai voando…

milagres ao final do tempo de espera. Se a lagarta não fosse forçada a passar pela metamorfose, continuaria eternamente sendo apenas uma lagarta.



Há fases em que parece que pouca coisa dá certo, ou que nada dá certo. A sensação é que passou um furacão, tirou tudo do lugar e você simplesmente não sabe como reorganizar essa bagunça toda, e acredita até não ser possível reerguer sua vida.

Acredite, embora talvez esteja se sentindo sozinho, você não é o único a passar por isso, não é o primeiro, tampouco será o último. Não, isso por si só não serve de consolo, até mesmo pelo fato de que a vida não vai poupá-lo das tempestades, que nuvens pesadas vão acinzentar alguns dias, que a dor vai apertar tanto o peito, a ponto de transbordar pelos olhos, mas acontece que depois de muitos dias de chuva, irremediavelmente os raios de sol vão atravessar essas nuvens pesadas, pois a luz, apesar de mais delicada, é muito mais forte que a escuridão.

O ponto de partida para sair de um problema, seja ele de ordem física, espiritual ou emocional, é acreditar que é possível sair dele.

Aí você pode pensar: ” Ah, até parece que é fácil desse jeito! Eu simplesmente acredito que vou sair dessa e minha situação vai se resolver? Eu mentalizo à noite e pela manhã todos os problemas terão se dissipado? Não, não é assim. Estou há anos carregando uma situação e não importa o que eu faça, nada acontece.”


Bem, se você pensa assim de vez em quando, parabéns! É só a sua natureza humana gritando com toda sua força. É normal entristecer-se, desanimar e pensar em desistir de vez em quando, até porque é difícil crer diante das circunstâncias contrárias, é difícil tentar de novo, quando já frustrou-se tantas e tantas vezes. A dúvida bate, você vai se perguntar se não deveria tentar outra coisa, se esse sonho é para você mesmo. Só que o que você quer e precisa é tão importante para você, que quando esse desânimo passa, lá está você de novo, respirando fundo e buscando um outro caminho, uma nova forma de fazer, uma estratégia diferente. Dias depois você está lá novamente de joelhos orando ou mentalizando tudo dando certo antes de dormir.

Agora, se você pensa assim todos os dias e não consegue finalizar um projeto, desiste das pessoas e dos seus sonhos, o sinal de alerta precisa ser ligado. Está na hora de virar essa chave.

Você pode procurar ajuda psicológica, psiquiátrica, da família, dos amigos, mas o ponto de partida precisa ser você.


A ajuda só será efetiva se você acreditar que pode ver tudo sob um ângulo diferente. Sua oração só terá frutos, quando a fé tomar conta do seu ser. A colheita só virá, quando você acreditar que as sementes que cultiva hoje, um dia frutificarão.

Há milagres ao final do tempo de espera. Há vitória depois dessa longa luta.

Imagine a lagarta! Feia, rastejante. Quem a vê assim, não encontra motivo algum para acreditar que um dia será diferente. As circunstâncias dizem que ela está fadada a esse destino até a sua morte. Só que quem foi que falou que as circunstâncias determinam alguma coisa? Quem disse que o que nos acontece é que dará a sentença final? Se você se permite acreditar no improvável, acreditar no que se quer e não no que se vê, estará dando o primeiro passo em direção ao que hoje é apenas um vislumbre.

Bem, a pobre lagarta além da vida difícil que tem, foi condenada ao casulo, pronto, chegou o seu fim, vida triste do infeliz bichinho. Passa-se um tempo e, após dores e mudanças, o casulo se rompe e uma linda borboleta sai de lá voando, livre e plena.

As dores, as mudanças indesejadas, transformaram um ser rastejante em um capaz de voar, de ver tudo sob novos ângulos, de enfeitar a natureza, de trazer paz a quem por ele é tocado. Mas se a lagarta não fosse forçada a passar pela metamorfose, continuaria eternamente sendo apenas uma lagarta.

Então, não se assuste diante do imprevisto, do indesejado, dos problemas, das perdas, das dores. Tudo isso, se devidamente vivido, se corretamente utilizado, servirá de ponte a novas realidades.

Se, em vez de murmurar e se vitimizar, você aproveitar a oportunidade camuflada pelo problema e aprender, amadurecer, evoluir, após todas as tribulações, você estará em condições perfeitas para desfrutar do seu milagre, para viver o seu sonho.

Portanto… acredite!


Direitos autorais da imagem de capa licenciada para o site O Segredo: tonobalaguer / 123RF Imagens

Você sabia que O Segredo está no Instagram, Facebook e no Twitter? Siga-nos por lá.




Deixe seu comentário

Os comentários são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião deste site.