Faça do amor também sua religião!

Somos 7,2 bilhões de pessoas no mundo, querer que todos tenham a mesma fé é no mínimo papo de louco!



Existe muita intolerância entre as diversas crenças, quando na verdade a religião deveria unir pessoas entre o bem e o amor.

Afinal Deus não veio para causar guerras entre quem vai para o céu e quem vai para o inferno, mas sim para ensinar a humanidade a olhar para o próximo, a fazer o bem sem olhar para quem!

O amor deveria ser nossa maior religião…

O amor deveria ser nossa maior religião, imagina só, como seria, se as igrejas não fossem apenas para fins lucrativos (acredito claro que não todas), ou você concorda que para um homem nos trazer a palavra de Deus, ele precisa ser pago para isso?


Eu particularmente prefiro usar o dinheiro do dízimo e comprar uma refeição para alguém que não tenha!!!

Deus não está apenas na igreja, ele tem que permanecer em nossos corações e principalmente em nossas atitudes.

Nós temos que lembrar de tudo aquilo que nos é passado pela bíblia vem para o bem, não para a intolerância, todos somos iguais, seguindo o mesmo caminho, buscando cada um os seus sonhos, mas sempre respeitando uns aos outros, ninguém é melhor ou pior de acordo com acredita.


Deixa quem é de amém, ser de amém. Quem é de axé, ser de axé. Quem é da paz de Deus, ser da paz de Deus.

E está tudo bem não participar, mas NUNCA desrespeite a religião do próximo.

Então, vamos viver o amor…

Então, vamos viver o amor, a vida é curta demais para se incomodar por não ter a mesma ideologia, afinal vamos ter que conviver com isso não é mesmo?

O QUE VOCÊ FALA DA BOCA PRA FORA, TEM GENTE QUE ESCUTA DO CORAÇÃO PARA DENTRO!

Baixe o aplicativo do site O Segredo e acompanhe tudo de pertinho. Android ou IOS.

Texto escrito com exclusividade para o site O Segredo. É proibida a divulgação deste material em páginas comerciais, seja em forma de texto, vídeo ou imagem, mesmo com os devidos créditos.




Deixe seu comentário

Os comentários são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião deste site.