Faça um tour feliz ao seu passado e reveja todas as pessoas que o(a) fizeram feliz…



Faça um tour feliz ao seu passado, faça uma viagem ao seu íntimo e reveja todas as pessoas que, por algum momento, o fizeram feliz!

“Faça uma lista de grandes amigos… quem você mais via há dez anos atrás… quantos você ainda vê todo dia… quantos você já não encontra mais.”

Esse é um verso de uma música muito conhecida de Oswaldo Montenegro, que me toca profundamente: “A lista”. E que me levou a outra reflexão, tão interessante quanto a sua letra. Então, eu lhe faço uma indagação:

Qual foi a lista mais importante que você já fez em sua vida? Não sabe, não se lembra ou nunca fez?

Pois eu o convido a fazer uma lista com, no mínimo, 30 pessoas que cruzaram seu caminho e que, em algum momento o ajudaram, amaram e fizeram-lhe o bem, sem passar a você nenhum recibo por isso. Fizeram pelo simples fato de você ser quem é.

Comece pela infância, relembre alguém que lhe estendeu a mão ao tropeçar, ainda que fosse o tropeço de literalmente cair e se levantar. Prossiga nessa viagem até o seu momento atual.

Pois, na medida em que envelhecemos, nos esquecemos de detalhes que, apesar de não se apagarem, são neutralizados dentro de nós, por não vivermos mais a situação.

A maioria de nós tende a guardar e relembrar quem mais nos magoou, enfatizar quem não nos ajudou, e nos esquecemos daqueles que nos fizeram bem.

Aprisionamos essas pessoas e sentimentos por tempos, alimentando dores, decepções e mágoas, atrasando nossa caminhada e influenciando o caminho daquele que, supostamente, não nos “salvou”.



Escreva em uma folha, e aproveite a sensação de reviver o bem-estar que, algum dia, esse nome escrito no papel lhe trouxe. A experiência será inexplicável, o sentimento de alívio é o mesmo que você experimentou ao ser ajudado, tempos atrás.

Continue sua viagem, elabore essa lista e, então, generosamente você praticará o exercício da gratidão, surgindo profundo respeito e amor à pessoa que lhe fez algo de bom.

Analise um a um, envie pensamentos gratificantes a esses seres, então descobrirá a raridade do autoconhecimento, conhecerá sentimentos nunca antes apresentados a você, encontrará o poder de cura, para não enfatizar mais quem o abandonou, quem lhe deu as costas, quem o maltratou e quem não o amou. Irá resignar e transmutar todos os sentimentos negativos. A partir dessa atividade, você terá a oportunidade de reviver, de merecer novamente todas as coisas boas que essas pessoas um dia lhe fizeram.

Viva e sinta uma realidade nova em sua vida, mantenha um propósito de observar, aprender, evoluir, amar e agradecer.

Assim terá o encantamento da prosperidade, felicidade e abundância em cada célula do seu corpo, fazendo de você um novo ser.


Direitos autorais da imagem de capa licenciada para o site O Segredo: 123RF / saulich






Deixe seu comentário

Os comentários são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião deste site.