Animais

Farmácia abre portas para cães se protegerem de onda de calor na Argentina

Capa Site Farmacia abre portas para caes se protegerem de onda de calor na Argentina

A Argentina passou por períodos de temperatura recorde, em que a sensação térmica chegou à casa dos 42°C.

Nos últimos dias, a Argentina tem enfrentado temperatura elevada, com sensação térmica de cerca de 42°C. Na última sexta-feira (14), a capital Buenos Aires bateu recordes e registrou a sua noite mais quente da história.

Se já é difícil para nós lidarmos com um calor tão intenso quanto esse, para os pequeninos de quatro patas, essa realidade pode ser ainda mais desafiadora, e como são cobertos de pelo, naturalmente sua temperatura corporal tende a aumentar em ambientes quentes mais do que a dos humanos, além disso os animaizinhos não conseguem transpirar para tentar equilibrar a temperatura do organismo.

Nesse cenário, imagens gravadas dentro de uma farmácia de La Banda, na província de Santiago del Estero, repercutiram nacional e internacionalmente. A empresa abriu suas portas para os cachorros de rua se refrescarem no ambiente climatizado, já que estavam sofrendo com o calor intenso registrado no país na última semana.

A página da farmácia compartilhou a postagem divulgada pelo Infobae sobre a cena dos cachorrinhos se refrescando no chão resfriado pelo ar condicionado com uma legenda de agradecimento: “Obrigado ao Infobae pela nota feita, é uma honra ajudar os animais, com estes calores tão fortes”. 

Ao jornal local Noti.News, Patrícia, gerente da drogaria, disse que essa é uma prática permitida e apoiada pela gerência, e a equipe colaboradora é bastante amigável com os animais de estimação dos clientes e de rua que habitam nas redondezas.

A gerente afirma ainda que os funcionários costumavam deixar recipientes com água fresca e comida na calçada para deleite dos animaizinhos. Como reforça Patrícia, os cachorros não ficam o dia todo na drogaria, mas se acomodam por lá nos períodos mais quentes do dia.

Ainda conforme o Noti.News, a farmácia tem uma política amorosa com quaisquer animaizinhos de estimação. Apesar da grande repercussão do registro dos cachorros se abrigando do calor, surgiram alguns comentários de pessoas desaprovando a prática e questionando se aquilo não seria anti-higiênico e insalubre, visto que os animaizinhos estavam próximos demais dos produtos expostos nas prateleiras. 

Apesar de alguns poucos comentários negativos, Patrícia ressaltou que os colaboradores não são apenas solidários com os cachorrinhos da rua, eles também têm o compromisso de manter a higiene do ambiente impecável, explicando que a limpeza é feita diariamente, bem como a esterilização do ambiente. 

Ainda segundo o portal local argentino, a gerência explica que esse hábito não se limita aos períodos quentes do ano, mas durante o inverno, os colaboradores colocam caixas de papelões e diversos panos para que os animaizinhos consigam se aquecer um pouco. 

Patrícia não escondeu que se surpreendeu com a repercussão das notícias e acredita que isso só foi possível porque existe uma cliente que é tutora de vários filhotes e sempre vai à farmácia acompanhada de seus animaizinhos. A mulher então tirou algumas fotos deles e postou nas redes sociais, com isso os cachorrinhos viralizaram. A gerente ainda brinca: “Quem não precisa de ar condicionado hoje em dia?”  

Segundo apurado pelo site O Globo, as fortes chuvas dos últimos dias fizeram com que o intenso calor desse uma trégua e na segunda-feira (17) a temperatura já estava em torno dos 27°, bem abaixo da semana anterior, quando os termômetros registraram recordes históricos. 

Essas chuvas foram chamadas pela imprensa local de início de um pequeno outono, um alívio para os moradores das localidades onde a alta temperatura causou prejuízo às lavouras. O serviço de meteorologia prevê que até domingo os termômetros argentinos marquem entre 18° e 27°C, números bem distantes dos 41,5º registrados no último dia 14.

0 %