Comportamento

Filha afirma que mãe idosa só foi vacinada depois de denunciar que líquido não foi aplicado na 1ª tentativa

capa Filha diz que idosa so recebeu vacina contra

Luciana Jordão confrontou a enfermeira, afirmando que não a tinha vacinado, pois o líquido estava todo na seringa.



Luciana Jordão, de 57 anos, que vive em Goiânia, passou por um grande desconforto quando levou sua mãe, Floramy de Oliveira Jordão, de 88 anos, para ser vacinada contra a covid-19, no último dia 10.

Segundo relatado ao G1, a profissional colocou a agulha no braço da idosa, mas não injetou a dose da vacina. Quando percebeu que o líquido estava todo na seringa, Luciana disse que tinha sido “muito rápido” e que ela não tinha vacinado sua mãe, porque o líquido estava todo na seringa.

A profissional, a princípio, afirmou que a havia vacinado, sim, mas depois de confrontada, desculpou-se e disse que “não tinha percebido”. Apenas depois de Luciana se manifestar com firmeza, a enfermeira realizou o processo novamente, dessa vez da maneira certa, de acordo com a filha da idosa.


A Secretaria de Saúde de Goiânia emitiu uma nota sobre o caso, informando que averiguaria imediatamente o ocorrido. O órgão também esclareceu que há vacinas garantidas para todas as pessoas acima de 85 anos e que abomina todo e qualquer tipo de irregularidade e, se o descumprimento dos protocolos fosse comprovado, seriam tomadas as medidas cabíveis em casos dessa natureza.

Como Luciana citou que a profissional responsável pela vacinação de sua mãe era uma enfermeira, o Conselho Regional de Enfermagem de Goiás (Coren-GO) também se manifestou, dizendo que averiguaria a reclamação para comprovar se se tratava de uma enfermeira de fato e, caso se confirmasse, iniciaria os trâmites para investigar a conduta da profissional, de acordo com Regimento do Conselho.

O neto da idosa, Bruno Jordão, de 32 anos, disse em entrevista ao G1 que acredita que a situação ocorrida com sua avó esteja acontecendo com outras pessoas no país inteiro.

Por temer isso, ele orientou sua mãe a gravar a cena de imunização da sua avó. A situação se confirmou e eles decidiram divulgar o vídeo à imprensa para que as pessoas sejam alertadas sobre o risco.


Abaixo, é possível ver o momento em que a falsa vacinação acontece:

Felizmente, nesse caso, a situação acabou bem, graças à atenção de Luciana.

É importante prestar muita atenção ao levar algum familiar para ser vacinado, para que situações como essa deixem de se repetir.

Compartilhe o texto em suas redes sociais como um alerta a familiares e amigos!







Padre Júlio Lancellotti coloca flores onde havia pedras para afastar pessoas em situação de rua

Artigo Anterior

A sorte destes 3 signos mudará em fevereiro. Descubra o que o novo mês lhes trará!

Próximo artigo

Os comentários são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião deste site.