Notícias

Fogaça mostra evolução da filha Olivia: já se alimenta pela boca e não apenas por sonda

fogaca

Em um post cheio de orgulho, o chef Henrique Fogaça revelou recentemente que a filha mais velha, Olivia Corvo, tem apresentado mudanças em seu dia a dia devido a um tratamento que usa há alguns anos.



Por ter nascido com uma síndrome desconhecida, Olivia não fala e tem pouca mobilidade – mas, segundo o pai da jovem, ela atualmente consegue até se alimentar sem usar sonda, algo que não costumava ser possível.

Recentemente em seu perfil no Instagram, o chef Henrique Fogaça se derreteu por novidades relacionadas à filha mais velha, Olivia Corvo.

Devido a uma síndrome que até hoje não pôde ser explicada pelos médicos, a jovem de 14 anos tem os movimentos, a fala e outras funções comprometidas, mas, nos últimos anos, um tratamento parece ter contribuído com o bem-estar dela de forma significativa.


 




View this post on Instagram




 

Uma publicação compartilhada por Olívia Fogaça (@olivia_corvo_fogaca)

“Pra quem não conhece, essa é minha linda filha especial Olivia, que tem 14 anos de idade, não fala, se alimenta por uma sonda e vivia em tempo integral em uma cadeira de rodas. Ela nasceu com uma síndrome rara e durante anos procurei descobrir o que ela tinha, mas até hoje a medicina tradicional não conseguiu me passar um diagnóstico palpável”, explicou ele, citando o tratamento em questão.

“Há três anos ela vem usando o óleo medicinal chamado CBD, que é extraído da planta Cannabis sativa, mais conhecida como ‘maconha’. E digo pra vocês que, graças à planta ‘sagrada’, ela está cada dia melhor, com um semblante de paz, de alegria, sorrindo e sentindo os pequenos prazeres da vida como poder se alimentar pela boca, ficando em pé com ajuda de um aparelho específico para as pernas e dia após dia evoluindo”, disse.

Nas imagens que acompanham o post, Olivia aparece sorridente, em pé e fazendo pose – algo que fez todo mundo se derreter nos comentários. “Princesa”, elogiou o cantor Cesar Menotti. “É linda, sou super apaixonada por vcs”, escreveu uma seguidora do chef. “Linda demais, mano”, disse outro. “Emocionante ver a melhora dela” afirmou mais uma internauta.

O canabidiol, já mencionado anteriormente por Fogaça como parte do tratamento de Olivia, é, apesar de malvisto por muitos, bastante eficaz em amenizar sintomas de diversas doenças, especialmente da epilepsia.

Como parte da síndrome, Olivia tem epilepsia resistente a remédios e, segundo a Associação Brasileira de Pacientes de Cannabis Medicinal (Amame), a substância ajuda a controlar as descargas elétricas do cérebro, reduzindo então as crises convulsivas sem gerar o “barato” da erva fumada.

A independência é o traço mais forte da personalidade dessas mulheres do zodíaco. Não se submetem!

Artigo Anterior

Ex do ator Owen Wilson revelou que ele nunca quis conhecer a filha de 3 anos

Próximo artigo

Os comentários são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião deste site.