Notícias

Galo que tinha faca presa no corpo para rinha ilegal, mata o próprio dono

Sem Titulo 1

A rinha de galos é considerada ilegal na Índia desde 1960 mas, infelizmente, costuma acontecer ainda nas regiões rurais do país.



Um caso surpreendente aconteceu no vilarejo de Lothunur, em Telengana, na Índia: um galo matou o próprio dono enquanto era levado para uma rinha ilegal.

Ele tinha uma faca de sete centímetros presa ao corpo e estava sendo preparado para entrar numa briga de galos, quando tentou escapar. Ao tentar agarrar o animal, o dono levou um golpe de faca na virilha. O homem morreu a caminho do hospital, pois perdeu muito sangue.

No momento, segundo reportagem da CNN, a polícia procura pelo menos outras 15 pessoas suspeitas de envolvimento com o evento, que ocorreu na última semana de fevereiro, em Lothunur.


Se você está se perguntando do galo, ele ficou bem. Ele permaneceu na delegacia até ser encaminhado para uma fazenda. O animal será levado ao tribunal, “como evidência”, conforme o caso prosseguir na Justiça, como explicou o policial B Jeevan.

Todas as pessoas envolvidas são acusadas de homicídio culposo, por organizar rinhas ilegais e apostas irregulares. Desde 1960, as brigas de galo são ilegais, na Índia, mas nas áreas rurais do país, ainda acontecem com certa frequência e são consideradas relativamente comuns. A maior parte acontece durante o festival hindu de Sankranti.

O festival de Makar Sankranti é como se fosse um carnaval para a população hindu, e geralmente ocorre no dia 14 de janeiro, no mês de “Magh”, segundo o calendário do país. Milhares de pessoas se banham nos locais mais sagrados, rezam em devoção ao deus Sol e soltam pipas.

A tradição explica que soltar pipas simboliza a elevação espiritual, por isso pessoas de todas as idades costumam soltar as suas.


Por incrível que pareça, essa não é a primeira vez que um dono de galo de rinha é morto pelo animal.

No ano passado, um homem de Andhra Pradesh foi atingido no pescoço, pelo próprio galo, que também tinha uma lâmina presa ao corpo. Da mesma forma como nesse caso, o dono estava levando o animal para a rinha quando sofreu o ataque.

Como os galos são, infelizmente, treinados para essas duras batalhas, muitos aprendem a usar as facas ou lâminas que têm presas em si como forma de se defender. Assim, quando ele se descontrola, fica perigoso tentar acalmá-lo com as próprias mãos, já que ele carrega a arma presa ao corpo.

Qualquer evento em que exista sofrimento animal deve ser banido dos países, já que eles são submetidos ao pior tipo de tratamento que, no fim, leva à morte.


O que você acha desse caso?

Comente abaixo e compartilhe nas suas redes sociais e com seus amigos!

 

Direitos autorais da imagem de capa: Depositphotos.


Carlos Alberto de Nóbrega se cura da covid-19 e recebe alta de hospital!

Artigo Anterior

Galo “superpai” começou a cuidar de 3 pintinhos após a morte de galinha

Próximo artigo

Os comentários são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião deste site.