Notícias

“Gastei R$ 200 mil”, diz modelo que acusa médico por nariz deformado

gastei 200 mil

Acusado por vários pacientes de provocar deformidades em plásticas no nariz, o cirurgião Alan Landecker tentou impedir que a modelo Sarah Cardoso, de 29 anos, uma de suas clientes, comentasse o caso nas redes sociais e pediu que ela se retratasse.



A Justiça recusou esse pedido de liminar, mas a solicitação de indenização que o médico exige da moça ainda terá o mérito julgado.

Em entrevista ao Metrópoles, ela contou que também protocolou ação na Justiça para ser indenizada pelo profissional e enumera tudo o que teve de desembolsar nas tentativas de tratar os problemas que teriam sido criados pelo primeiro procedimento cirúrgico com Landecker.

O cirurgião é investigado pelo Conselho Regional de Medicina do estado de São Paulo (Cremesp) e por duas delegacias da Polícia Civil de São Paulo: 15º DP (Itaim Bibi) e 34º DP (Morumbi). Landecker foi afastado pelos principais hospitais da capital paulista nos quais realizava cirurgias.


Sarah relatou que procurou o profissional inicialmente para corrigir problemas de uma cirurgia de nariz que tinha feito anteriormente com outro médico. Com clínica nos Jardins, área nobre de São Paulo, e parcerias com os principais hospitais da cidade (Albert Einstein e Sírio-Libanês), o acusado havia sido recomendado a ela por um amigo.

A modelo contou que se impressionou com o currículo de Landecker e que chegou a pesquisar se ele respondia a alguma ação por erro ou negligência médica, mas diz não ter achado nada nesse sentido.

Acabou por ser operada em uma rinoplastia em 22 de outubro do ano passado, com um custo total de R$ 57 mil, no hospital São Luiz do Morumbi, na Zona Sul de São Paulo. Planejada para corrigir intervenções anteriores, essa cirurgia acabou sendo a primeira de três procedimentos com Landecker.


Marília Mendonça ganha mais de 2 milhões de seguidores após morte

Artigo Anterior

Jovem viciado em jogar Free Fire é amarrado por familiares: “Possuído por demônio”

Próximo artigo

Os comentários são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião deste site.