Animais

Gatinho guiou equipe de resgate para salvar a vida de sua dona idosa

Capa Gatinho guiou equipe de resgate para salvar a vida de sua dona idosa
Comente!

O felino leal não abandonou sua companheira humana e fez tudo ao seu alcance para que o salvamento a encontrasse!

O vínculo entre animais e seres humanos é algo que podemos observar no nosso dia a dia, e, ainda assim, ser algo inexplicável. Mesmo não nos comunicando diretamente, o afeto entre pessoas e bichinhos é muito forte e pode até salvar vidas! Seu companheiro, seu pet precioso, pode fazer você se sentir mais acolhido neste mundo e ajudá-lo.

Uma senhora idosa, de 83 anos, sentiu diretamente como seu animalzinho ajudou sua vida, ou melhor, simplesmente a salvou! A mulher sofreu uma grave queda, e os oficiais que foram acionados para salvá-la só a encontraram depois de seguir seu gato, que miava em um terreno perto de onde moravam.

Tamar Longmuir, de 38 anos, vizinha da senhora que sofreu a queda, foi informada de que sua vizinha estava desaparecida, por uma amiga da idosa, em uma tarde de sábado, e imediatamente começou a procurá-la em sua fazenda, em Bodmin, Cornualha.

A mulher informou ao Sky News que pegou seu caminhão e foi fazer uma busca pela senhora de 83 anos, checando os campos, mas não havia sinal dela.

Ela se juntou a outros membros de sua família que vivem e trabalham na fazenda e todos seguiram nas buscas.

Aflitos com o desaparecimento da vizinha de idade, a turma notou a presença de Piran, o gato da vizinha, que estava sentado no portão de um dos campos de milho – miando incessantemente para eles.

2 Gatinho guiou equipe de resgate para salvar a vida de sua dona idosa

Direitos autorais: Reprodução / Arquivo Pessoal

Tamar estranhou a atitude do gato na hora, lembrando que achou aquilo tudo muito incomum.

A mulher recordou que o gato era muito apegado à vizinha idosa, então, resolveu verificar o que é que estava fazendo o gato provocar tanto barulho.

A plantação estava a mais de 2,13 metros de altura na época, com apenas uma pequena trilha ao redor da borda para acesso, então, Tamar gritou para ver se a vizinha estava lá.

A mulher caminhou até o fundo do campo, chamando o nome da senhora. Suas vacas começaram a mugir de volta, fazendo barulho, o que dificultou a busca.

No momento em que estava saindo do caminho e começando a atravessar a plantação, Tamar ouviu uma resposta muito fraca ao seu chamado.

Rapidamente, percebeu que sua vizinha estava caída na ravina de 21 metros. A senhora havia caído, passado pelo arame farpado, ficando reclusa em um riacho – Tamar e o resto do grupo estimavam que ela poderia estar lá há horas.

Tamar conseguiu descer a ladeira para chegar à aposentada e examiná-la em busca de ferimentos graves – mas não parecia haver nenhum, nem mesmo por causa do arame farpado. A mulher até brinca que ela se machucou mais descendo por conta própria para ajudar a vizinha do que ela, que sofreu uma queda.

A mulher de 38 anos escalou o barranco de volta e andou um pouco mais para conseguir sinal no celular, para então chamar uma ambulância para sua vizinha.
Tamar recorda que eles chegaram rapidamente, 12 veículos e cerca de 25 tripulantes de todos os serviços de emergência necessários.

3 Gatinho guiou equipe de resgate para salvar a vida de sua dona idosa

Direitos autorais: Reprodução Facebook / Bodmin Police.

Depois de cerca de duas horas, ela foi transportada para um local seguro e para a ambulância aérea.

Tamar reflete que se não fosse a presença do gato miando naquele local, ela talvez não entrasse naquele campo e a vizinha poderia ter passado horas caída e desamparada no local.

Depois de ser transportada de avião para o hospital, a polícia disse que a mulher de 83 anos estava em condição estável e estaria se recuperando.

A Polícia de Bodmin disse em um post no Facebook que, embora a senhora estivesse recebendo muitos cuidados, estava de bom humor e sendo muito bem tratada. Os policiais ainda fizeram um agradecimento ao gatinho na postagem, dizendo que ele tinha salvado o dia!

Comente!

Flávio Silvino reaparece em passeio por Copacabana em cadeira de rodas

Artigo Anterior

Ela anda cansada de mendigar afeto ao próprio marido

Próximo artigo