Pessoas inspiradoras

Ginasta olímpica e modelo: jovem com síndrome de Down inspira todos a correrem atrás dos seus sonhos!

3 capa Ginasta olimpica e modelo jovem com Sindrome de Down inspira todos a correr atras dos seus sonhos

Chelsea contrariou todas as expectativas médicas, mostrou que é dona do próprio corpo e que um cromossomo a mais não pode impedir ninguém de brilhar!



Tudo o que é diferente assusta quem só está acostumado a ver mais do mesmo. Quem só frequenta os mesmos espaços e só abre portas para as mesmas pessoas incomoda-se com a presença de quem destoa da maioria. Esse desconforto pode ser benéfico e tensionar os limites de quem não sai da própria bolha ou provocar uma reação agressiva, reflexo direto do preconceito.

Ter um cromossomo a mais não é impeditivo para o indivíduo fazer certas coisas ou precisar ser protegido, como se fosse incapaz.

Quem tem síndrome de Down já é condenado a fazer pouco desde o nascimento, sob o pretexto médico de que esses indivíduos sofrem atraso no desenvolvimento físico e intelectual.


Chelsea Werner não foi exceção. Assim que nasceu, há 25 anos, os médicos logo passaram seu diagnóstico completo: teria inúmeras dificuldades ao longo da vida, entre elas a impossibilidade de manter o tônus muscular saudável.

Mas seus pais sempre a incentivaram à prática de vários esportes, sabendo que a síndrome de Down, também chamada de trissomia do cromossomo 21, não podia ser um atestado de incapacidade.

Ela jogava bola, fazia natação e se destacava, principalmente na ginástica. Em 2012, a menina se inscreveu para o Campeonato Nacional de Ginástica das Olimpíadas Especiais. Vencer uma vez não foi suficiente, então, em 2013, ela repetiu o feito, além de outras duas outras vezes. Chelsea já foi campeã nacional quatro vezes.

3 2 Ginasta olimpica e modelo jovem com Sindrome de Down inspira todos a correr atras dos seus sonhos

Direitos autorais: reprodução Instagram/@showtimewerner.


Segundo Lisa Werner, mãe de Chelsea, em entrevista ao Today Show, a filha desenvolveu uma ética muito boa, trabalhando duro muitas horas por semana, sendo extremamente disciplinada e capaz de lidar com situações difíceis. O empenho da jovem também lhe rendeu o pódio olímpico duas vezes, mostrando que ela é capaz de tudo.

3 3 Ginasta olimpica e modelo jovem com Sindrome de Down inspira todos a correr atras dos seus sonhos

Direitos autorais: reprodução Instagram/@showtimewerner.

Com o aumento da inclusão da indústria da moda, não foi difícil imaginar que Chelsea logo estaria estampando revistas. A agência de modelos de Nova Iorque, We Speak, ofereceu-lhe um contrato que a alçou ao mundo da moda.

A profissão logo se tornou outra paixão de Chelsea, que entrou de cabeça na ideia. Com sua presença, carisma, beleza, confiança e autoestima, a jovem já estampou campanhas da Target, H&H, Aerie e a capa da Teen Vogue.


3 4 Ginasta olimpica e modelo jovem com Sindrome de Down inspira todos a correr atras dos seus sonhos

Direitos autorais: reprodução Instagram/@showtimewerner.

Seja disputando um torneio de ginástica ou posando para fotos, a jovem se destaca no que abraça, mostrando que tudo a que se propõe é feito com disciplina e foco. Chelsea explica que as pessoas precisam fazer o que amam e tentar dar o seu melhor todos os dias, sendo gratas e alimentando a positividade.

A jovem tem uma longa carreira pela frente e esperamos que ela desponte ainda mais!

Comente abaixo o que achou e compartilhe esta história nas suas redes sociais!


Mulher pede dicas na internet de como mandar enteado embora de casa, depois que seu pai faleceu

Artigo Anterior

Marca fabrica perfume fora de linha para mãe voltar a “sentir o cheiro” que filho adorava

Próximo artigo

Os comentários são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião deste site.