ColunistasReflexão

Guarde o que é seu com carinho e assim, as coisas durarão o tempo que tiver que durar…

Volatilidade…



Quanto tempo dura um vidro de acetona?

Depende! Isso mesmo, depende da nossa intenção, do nosso cuidado. Se guardamos a acetona no seu vidro, bem fechado, no armário do banheiro, poderemos usá-la por incontáveis vezes.

Por outro lado, se por descuido, deixarmos a acetona com seu vidro aberto, sem preocupação, por ser muito barata e de fácil aquisição, ela se evapora num piscar de olhos, sem termos chance de usar todo o conteúdo que havia dentro do vidro.


Percebo, hoje, no mundo que as relações humanas estão cada vez mais voláteis, mas podemos ter cuidado para que elas durem um pouco mais.

Nada é tão descartável e nem tão facilmente substituído.

Pode ser que na hora que Você mais precise da acetona, a farmácia esteja fechada.

Guarde o que é seu com carinho e assim, as coisas durarão o tempo que tiverem que durar.


Deixar evaporar ao acaso é perder a chance de viver coisas mais duradouras e bonitas.

Feliz, a partir de agora!

Artigo Anterior

Perdoa-me por me trair…

Próximo artigo

Os comentários são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião deste site.