3min. de leitura

“Há pessoas que choram por saber que as rosas têm espinhos, outras sorriem por saber que os espinhos têm rosas!”

Sorria e chore! Sorria sempre que lhe for possível; chore se preciso for!

Chore, elimine lágrimas do seu organismo, da sua alma, diante das tristezas, inconsequências, decepções, para liberá-las do seu íntimo, mas também sorria durante os momentos não tão agradáveis, para afastá-los.


Engane o mal, com um singelo sorriso! Chore de emoção, durante os bons e grandiosos momentos; a emoção positiva tornará a sua energia ainda mais potente.

Viva, essencialmente, os seus sentimentos. Não os esconda por receio do que podem pensar. Que pensem! Isso não lhe será útil. Não lhe convém saber!

Cada um tem a sua própria cruz ou conquista. Ninguém é fiel conhecedor das entranhas alheias, pois nem a si próprios conhecem fidedignamente.


Deus concedeu a todos os seres humanos a capacidade de sentir, chorar, sorrir! Ele quer que expressemos o que há em nossas almas.

Não enterre os seus sentimentos em seu coração, ele não tem força suficiente para suportar esse peso.

Não trancafie lágrimas que almejam, ansiosamente, percorrer a sua face, a fim de acalmá-lo. Não esconda o seu sorriso que anseia por abrilhantar o seu semblante.


Sinta, viva, externe o seu EU para você mesmo, diante de Deus!

Sua alma permanecerá mais leve, suas dores serão amenizadas, sua alegria será nutrida!

O saudoso Machado de Assis sobre chorar e sorrir, diria: “Há pessoas que choram por saber que as rosas têm espinhos. Há outras que sorriem por saber que os espinhos têm rosas!”

Assim, chorando ou sorrindo, permaneça sempre otimista! Chore e esteja munido de fé inabalável e incessante. Sua dor será amenizada, seus sorrisos trarão mais sorrisos.

Sempre siga adiante e nunca corra atrás. Corra sempre na frente; na frente de si mesmo, eliminando os seus medos, seus sentimentos reprimidos, sempre buscando a sua evolução mental e espiritual.

Chore e sorria! Faça bom uso daquilo que o Criador lhe cedeu com e por amor! Viva!






Deixe seu comentário

Os comentários são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião deste site.