Amor

Homem apaixonado não desiste do amor e se casa com mulher em estágio terminal de câncer

3 Capa Homem apaixonado nao desiste do amor e se casa com mulher em estagio terminal de cancer

Ele conseguiu realizar o sonho da amada e se casaram numa linda cerimônia. Meses depois, ela faleceu e hoje ele segue contando sua história para honrar sua memória.



Michael Bank conta sua história com orgulho, embora ela seja linda e triste. Quando conheceu sua alma gêmea, Laurin, em 2015, sua vida mudou por completo e sentiu ser amado verdadeiramente. Infelizmente o câncer os separou, mas ela vive para sempre em seu coração.

Ele relatou ao Love What Matters que, desde que se falaram pela primeira vez, ficaram juntos quase todos os dias. A paixão foi inevitável. Logo no início do relacionamento, Laurin precisou fazer uma mastectomia dupla. Depois de alguns meses, ela oficialmente foi morar com Michael e contou que estava livre do câncer.

O namoro continuava de maneira incrível para os dois. Nos anos seguintes, divertiam-se muito, com viagens e aventuras por várias partes do mundo. Michael conta que sentia que Laurin seria sua esposa, então lhe propôs o casamento.


Meses depois do pedido, Laurin começou a sentir dor nas costas, que acreditava ser o efeito colateral do tratamento contra o câncer no início do relacionamento. A dor começou a se intensificar, então foram ao ortopedista. Foi ali que o mundo começou a ruir lentamente. Foram informados de que o câncer não apenas tinha voltado, mas se espalhado por seus ossos, pulmões e fígado, e estava em estágio 4

Laurin havia perdido os pais para o câncer, então sabia o que o seu próprio diagnóstico significava. Foi em lágrimas que perguntou a Michael se eles ainda se casariam, ao que ele respondeu emocionado que não tinha dúvida de que sim.

Escolheram a data, que seria próxima ao aniversário de três anos do dia em que se conheceram. Reservaram o local enquanto ela estava em tratamento. Os médicos pediram que a data fosse adiada, porque ela poderia estar fraca por conta da quimioterapia, mas o casal não quis mudar. Eles se casaram numa cerimônia muito linda, que emocionou a todos.

Três meses depois, um novo tumor foi descoberto em seu baço, fazendo com que ela não pudesse mais continuar com o tratamento. Michael disse que esse golpe foi esmagador, pois eles ainda tinham esperanças. Mas ali estava a resposta de que não havia mais o que fazer.


Laurin fez rodadas triplas de quimioterapia, ficando cada vez mais fraca e debilitada. Antes de completar 30 anos, ela e Michael decidiram aproveitar o pouco tempo que lhe restava. Ele precisou viajar a trabalho, mas foi surpreendido por uma ligação dela, dizendo que não estava se sentindo bem, então ele largou tudo e voltou, para que ficassem bem em casa.

Injeções de morfina de 15 em 15 minutos não adiantavam, e ela foi piorando. Michael a carregou para a cama, segurou suas mãos e disse o quanto era grato pelos últimos anos, que ela era a responsável por ele ser uma pessoa melhor, pois lhe ensinou o que era amor. Michael conta que não sabe até que parte ela ouviu, porque a enfermeira que cuidava de Laurin havia entrado no quarto, checado seus sinais vitais e constatou que ela havia partido.

Michael conta sua história para mostrar a todos que o amor verdadeiro importa e é o sentimento mais puro que existe. Ele continuou viajando e colocando em prática o que tinham planejado juntos, para que conseguisse cumprir os desejos de sua amada. Ele conclui que terá esse comportamento até se encontrarem novamente.


“Eu a julguei.” Maria Rita faz raro relato sobre perda da mãe, Elis Regina

Artigo Anterior

Homem cede seu lugar na primeira classe de voo para mãe que viajava com filha prematura doente

Próximo artigo

Os comentários são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião deste site.