Comportamento

Homem suspeito de abandonar o pai, de 63 anos, com pertences em rodoviária, é solto

homem preso suspeito de abandonar pai de 63 anos com pertences em rodoviaria e solto

Caso aconteceu em Florianópolis (SC). Entenda!



Um caso chamou a atenção na Grande Florianópolis, no último dia 27 de fevereiro. Em Blumenau, no Vale do Itajaí, a Polícia Militar catarinense prendeu um homem, de 40 anos, suspeito de abandonar o pai, de 63, com todos os seus pertences, na rodoviária de Tijucas.

Segundo o G1, a polícia informou que o homem teria buscado o pai na casa da irmã, que vive em Itajaí e, em seguida, deixado-o na rodoviária, com seus objetos pessoais e 40 reais em dinheiro.

Os policiais foram chamados e o levaram à casa do filho que o tinha deixado na rodoviária, o qual vive em Blumenau, com a esposa. O homem teria se recusado a receber o idoso, que então foi levado a um abrigo municipal.


A Polícia Civil informou que os irmãos se revezavam nos cuidados com o pai, mas que aconteceriam brigas, e isso teria motivado o homem a deixá-lo em Florianópolis, onde ele já teria vivido anteriormente.

Como consequência do ocorrido, que mobilizou policiais e também a assistência social das duas cidades, o filho acabou sendo preso e levado para a Central de Polícia local. No entanto, três dias depois, em 1º de março, ele foi liberado pela Justiça catarinense, na audiência de custódia, em Tijucas.

Felipe Orsi, titular da Delegacia de Proteção à Criança, ao Adolescente, à Mulher e ao Idoso (Dpcami), informou que o homem responderá a inquérito por abandono de incapaz. Também explicou que o filho disse ter problemas com o pai e que ambos não teriam condições de morar juntos.

Pai e filho já tinham vivido juntos, mas como a nora não gostava do sogro, o idoso foi morar com a filha, em Itajaí.


Por enquanto, o idoso permanece num abrigo municipal, onde está recebendo acompanhamento das equipes da assistência social.

Segundo informado pelo Jornal Razão, de Tijucas, o filho, que não tem antecedentes criminais e não precisou pagar fiança, foi liberado sob duas condições: que não se ausente por mais de 30 dias da cidade, sem autorização, e que mantenha seu endereço atualizado junto aos órgãos de segurança.

O que você acha disso?

Comente a sua opinião abaixo e compartilhe a notícia com os amigos através das redes sociais!


 

Direitos autorais da imagem de capa: Depositphotos.

Menino de 7 anos, que tentava vender aviões de papel para comprar celular, ganha 4 aparelhos

Artigo Anterior

Silvio Santos é vacinado contra covid-19, aos 90 anos, e filha comemora: “Agradecendo muito a Deus”

Próximo artigo

Os comentários são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião deste site.