Homem que ajudou idosa a atravessar rua alagada no Rio de Janeiro é ajudado por internautas e realiza o sonho de ter a própria casa

O guardador de carros Varlei Rocha Alves, também conhecido como Capoeira, deu uma grande lição de bondade, empatia e gentileza para todos nós recentemente.

Em meio às confusões provocadas pelo forte temporal que atingiu o Rio de Janeiro no dia 8 de abril, Capoeira mostrou que mesmo as pessoas mais simples podem fazer uma grande diferença no ambiente ao seu redor.

O homem de 50 anos estava em Copacabana quando percebeu que muitas pessoas encontravam dificuldade para atravessar uma rua completamente alagada. Ele não pensou duas vezes em ajudar. Teve a ideia de criar uma espécie de ponte improvisada com algumas caixas, para que as pessoas pudessem transitar sem se molhar.

Uma das pessoas que Capoeira ajudou a atravessar a rua alagada foi uma senhora. O momento foi gravado e postado nas redes sociais, onde viralizou rapidamente.

Ele criou um caminho especial com as caixas, para que a senhora chegasse seca do outro lado.

A gentileza do homem é evidente, em cada um de seus movimentos. Ele segura na mão da senhora, oferecendo-lhe apoio, carrega as caixas de uma ponta a outra da rua, com muita prestatividade e em momento algum parece se incomodar com a água molhando suas pernas. A prioridade era transportá-la com segurança.

Com a grande repercussão do vídeo, Capoeira foi procurado para entrevistas, em que explicou a sua ideia criativa para ajudar os pedestres.

“Tava chovendo bastante. Muitas pessoas estavam precisando de ajuda. Como eram muitas pessoas, a minha ideia foi criar uma ‘ponte criativa’ para qualquer um passar, pra ajudar qualquer um, homem, mulher, criança”, disse ao G1.

Além disso, ele também revelou um sonho: queria muito conseguir a casa própria para morar com o seu filho de 10 anos. Atualmente, os dois vivem na casa da irmã de Capoeira, na Zona Norte do Rio, mas o seu desejo é que o filho tenha um lugar para chamar de seu.

“Eu queria uma casa própria, e nós [ele e o filho] não temos (sic) uma casa própria. Moro na casa da minha irmã, mas o meu filho precisa de uma casa dele”, revelou Capoeira.

Os internautas ficaram comovidos com a história de vida de Capoeira e decidiram criar uma vaquinha online para arrecadar dinheiro para ajudar o homem a conseguir a sua casa. A campanha viralizou, tanto quanto a atitude do guardador de carros, e logo muitas pessoas se uniram para ajudar o homem a ter o próprio lar. Entre essas pessoas, alguns famosos como as atrizes Marina Ruy Barbosa e Alice Wegman, e o ator Marcos Veras.

Em menos de 12 horas, a vaquinha já tinha atingido a meta pretendida e as doações superaram o esperado. Com o dinheiro das doações, Capoeira já poderá dar um novo passo em direção a sua nova vida com o filho.

Essa história é uma verdadeira prova de que aquilo que emanamos para o universo retorna para a gente. Nem sempre é no nosso tempo, mas é sempre no momento ideal.

Desejamos toda a felicidade para Capoeira, e que sua luz sirva para inspirar muitas pessoas a incorporarem o bem e a gentileza em suas vidas!

Se gostou da história, comente abaixo e marque seus amigos!


Direitos autorais da imagem de capa: Marcos Serra Lima/G1



Deixe seu comentário