Notícias

Homem socorre vítima de assalto e descobre que era sua filha

Ao ouvir disparos em frente ao seu restaurante, um homem correu para socorrer uma possível vítima e descobriu que se tratava de sua própria filha: a autônoma Alessandra Tomie Watanabe Kokubun Fagundes, de 41 anos.



A mulher foi abordada por cinco homens e atingida por dois disparos em uma tentativa de assalto por volta de 22h de sábado (2/10) na Praça Benedito Calixto, no centro de Itanhaém, litoral de São Paulo.

Uma prima de Tomie, Rafaela Kohani Aoki, contou à TV Tribuna, afiliada da TV Globo, que três dos suspeitos simularam uma briga para que a abordagem não parecesse uma tentativa de assalto. Em um primeiro momento, ela não viu que se tratava da familiar.

“Na hora, eu não sabia que era ela, não tinha visto. O moço [criminoso] começou a gritar ‘tá doidona, tá doidona’, para acharem que era briga entre casal, que era o que todo mundo estava achando. Depois, parece que iam tentar ir para cima do moço, foi aí que ele pegou a arma e disparou para o alto”, disse.


Todos se jogaram no chão e, após os tiros cessarem, correram para ver o que tinha acontecido. Foi quando encontraram Tomie caída e baleada na cabeça e no abdômen. A moça chegou a ser socorrida para a Unidade de Pronto Atendimento (UPA) de Itanhaém, mas não resistiu aos ferimentos.

“Meu cunhado [o pai de Tomie] foi lá acudir a pessoa e, quando ele viu, era a filha dele. Ele não acreditou. Uma moça trabalhadora, guerreira, e ter acontecido isso com ela não é justo”, contou a tia, Lúcia Watanabe Muniz.

Os criminosos fugiram no carro em que chegaram e no de Tomie, abandonado e incendiado na Rua Vinte e Um, no bairro Bopiranga. A Prefeitura de Itanhaém informou que imagens de câmeras de segurança flagraram o veículo dos suspeitos e o deslocamento feito por ele, inclusive em perseguição à empresária. A Delegacia de Investigações Gerais (DIG) investiga o caso como latrocínio (roubo seguido de morte).


Mulher sofreu golpe de mais R$ 1 milhão de namorado que conheceu em aplicativo de encontros

Artigo Anterior

Mãe de Nego do Borel registra desaparecimento do cantor em delegacia

Próximo artigo

Os comentários são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião deste site.