Notícias

Humberto Martins elogia Bolsonaro e alfineta Globo: “Espetada no traseiro”

Foto: Divulgação
capa humberto site

Humberto Martins não temeu ao revelar que está do lado de Jair Bolsonaro pelo governo brasileiro.

O ex-galã de 61 anos explicou que os movimentos artísticos não têm ligação com a política, e ainda alfinetou as estratégias da Globo em fazer conteúdos digitais para não se dar mal no mercado: “Está dando uma espetada no traseiro da Globo, igual como faz o Gasparzinho”, disparou.

Para o ator, o presidente do Brasil está fazendo uma boa gestão para o país. Martins explicou que não se importa em assumir posicionamentos políticos porquê isso não interfere em sua carreira.

[Bolsonaro] Está governando para quem precisa. De certa forma, estou satisfeito com o governo. Não sofro com isso. Cada um é dono da sua indumentária de consciência, do seu destino de vida. É tudo liberdade de expressão“, admitiu em entrevista durante o Festival de Cinema Vassouras, no Rio de Janeiro.

É um movimento nada político, é movimento de cinema com suas equipes e produções. A história contada sempre tem vários fatores e vertentes. A cultura é esse encontro, a maneira de ser de um povo diante de suas intempéries. O que tem de política é que um festival assim gera emprego, move a economia“, completou.

humberto martins 1024x683 1

Direitos autorais: Reprodução

Por fim, Martins mostrou-se animado com o surgimento das plataformas de streaming no mercado do entretenimento. O avanço de meios digitais como Netflix, HBO Max e Disney+ fez com que a líder de audiência bolasse estratégias para não sair atrás:

É maravilhoso! Está dando uma espetada no traseiro da Globo, igual como faz o Gasparzinho. Está tentando se adequar a novas tendências de mercado“.

Longe da televisão desde a novela Verão 90 (2019), quando pediu para deixar o elenco por insatisfação com seu personagem, o artista raramente faz aparições públicas. Na época, ele chegou a viajar para os Estados Unidos e afirmou que passou décadas trabalhando para agora descansar.

0 %