Pessoas inspiradoras

Idosa de 80 anos se agarra a uma árvore para evitar que ela seja cortada. Sua coragem valeu a pena!

6 capa Idosa de 80 anos se agarra a uma arvore para evitar que ela seja cortada Sua coragem valeu a pena

A defensora do meio ambiente não descansou até que a prefeitura de Talcahuano tomasse uma providência. Margarita não aceitou que a árvore centenária fosse derrubada.



Algumas pessoas carregam dentro de si o senso de justiça e solidariedade, que muitos de nós talvez nunca iremos conhecer. Pensando em comunidade, esses indivíduos abrem mão do seu bem-estar para proteger a maioria, fazendo o certo e prezando pelo futuro de todos.

Em Talcahuano, no Chile, Margarita Castro é considerada uma verdadeira heroína, porque impediu a prefeitura de derrubar uma árvore centenária para pavimentar uma rua. Há três anos, um projeto de inovação tramita no município, tentando pavimentar e “modernizar” alguns locais. Chamada de árvore de cortiça, a espécie não é nativa do local, mas corre risco de ser extinta, já que o desmatamento não para.

Segundo uma postagem no Facebook, a árvore já tem mais de 200 anos, e os moradores gostam da sombra e da estética que ela traz.


Aos 80 anos, Margarita se enfureceu quando percebeu que trabalhadores estavam no local para derrubar a árvore, que chamam de sobreiro, apenas para rechear o local com cimento.

O protesto ganhou as redes sociais e o noticiário local, questionando se a urbanização precisa, necessariamente, “matar” toda forma de vida que esteja no caminho para ser considerada bem-sucedida. Residente no bairro, Margarita não queria que o projeto de “melhoria” da gestão municipal acabasse com uma árvore centenária.

6 2 Idosa de 80 anos se agarra a uma arvore para evitar que ela seja cortada Sua coragem valeu a pena

Direitos autorais: reprodução Facebook/Renaciendo Talcahuano.

O projeto da prefeitura pretende derrubar a árvore, pavimentar a rua, instalar iluminação e plantar arbustos no local. Mesmo com o maquinário pronto para derrubar a planta, a idosa não temeu a pressão e permaneceu no local, impossibilitando o trabalho dos homens. Um dos vizinhos fotografou o momento, que viralizou nas redes sociais, mostrando que a senhora não brincava.


6 3 Idosa de 80 anos se agarra a uma arvore para evitar que ela seja cortada Sua coragem valeu a pena

Direitos autorais: reprodução Facebook/Renaciendo Talcahuano.

Margarita recebeu apoio de milhares de pessoas que, assim como ela, acreditam que as árvores precisam ser mantidas em pé e que a urbanização não precisa detonar com a fauna e flora locais.

A justificativa das autoridades é que nunca houve nenhuma reclamação formal a respeito do corte da árvore, já que o projeto está no papel há três anos.

Nas redes, alguns se manifestaram pedindo que pavimentem em volta da árvore anciã, deixando-a no local, não impedindo nem a modernização nem ceifando-a. Menos de 24 horas após o protesto de Margarita, a prefeitura optou por retirar a árvore do local sem danificar sua estrutura, e propôs plantá-la em outra região.


6 4 Idosa de 80 anos se agarra a uma arvore para evitar que ela seja cortada Sua coragem valeu a pena

Direitos autorais: reprodução Facebook/Renaciendo Talcahuano.

Como os moradores do bairro não queriam a árvore ali, os representantes decidiram mantê-la viva, em um lugar onde poderia continuar produzindo oxigênio.

No dia 10 de abril, a árvore foi retirada com um equipamento próprio, mantendo sua integridade, e levada para o viveiro municipal. A planta foi salva graças aos esforços de Margarita, cuja voz ecoou na internet, onde encontrou apoio.

6 5 Idosa de 80 anos se agarra a uma arvore para evitar que ela seja cortada Sua coragem valeu a pena

Direitos autorais: reprodução Facebook/Renaciendo Talcahuano.


Mesmo tendo sido levada de sua rua, a senhora impediu seu corte e garantiu que mais de 200 anos de história continuem vivos.

Que linda atitude! O que você achou desse caso?

Comente abaixo e compartilhe-o nas suas redes sociais!


Professor proíbe aluna de amamentar seu bebê durante aula on-line: “Faça em outro momento”

Artigo Anterior

Detentos constroem casas para cães abandonados: “Pagando minha dívida e cuidando dos animais”

Próximo artigo

Os comentários são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião deste site.