Notícias

Idosa é presa suspeita de matar marido e enterrar corpo na cozinha

Uma idosa de 62 anos foi presa nesta terça-feira (31) suspeita de matar e esquartejar o marido.



O corpo da vítima estava concretado no chão da cozinha de uma casa em Ribeirão das Neves, na região metropolitana de Belo Horizonte.

Segundo informações da Polícia Militar, Dilson Bicalho, de 55 anos, não fazia contato com a família desde o dia 11 de agosto. Após receberem uma denúncia anônima e descobrirem que a vítima teria feito um empréstimo de R$ 8 mil recentemente, os militares foram até a casa da família para buscar mais informações.

Ao chegarem no local, os investigadores sentiram um odor forte vindo da cozinha. O chão do cômodo estava rachado e com marcas recentes de pintura. Eles decidiram abrir um buraco no local e acabaram encontrando o corpo de Bicalho esquartejado e em estado avançado de decomposição. A análise inicial aponta que o homem teria sido morto há 20 dias.


A suspeita foi presa em flagrante e levada para uma delegacia. Segundo a Polícia Militar, a idosa já havia registrado uma ocorrência contra o marido, afirmando que o homem teria tentado envenenar ela. O caso será investigado pela Polícia Civil.

Temendo ‘se atrasar para férias’, médico faz parto às pressas e causa hematomas em bebê, dizem pais

Artigo Anterior

“Preta feia.” Garçonete sofre racismo em bar após cliente discordar do valor da conta

Próximo artigo

Os comentários são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião deste site.