publicidade

Idoso carrega seu cãozinho numa bolsa, enquanto vende vassouras na rua. São companheiros!

Don Cirilo resgatou seu amigo das ruas do México e o leva para seu trabalho todos os dias, mostrando que o companheirismo vai além da espécie.



O amor entre um cuidador e seu bichinho de estimação é algo que surpreende. Muitas relações são tão profundas e complexas, que não conseguem sequer ser descritas, já que não existem palavras para mensurar o amor e o carinho.

Em Tamaulipas, no México, a linda história de cuidado e companheirismo de Don Cirilo e seu melhor amigo vira-lata tem circulado na internet. A fotografia do idoso, que todos os dias sai para vender vassouras na rua, carregando seu cãozinho, mostra a beleza e a pureza do amor entre uma pessoa e seu animal de estimação.

O duro e árduo trabalho que esse senhor precisa enfrentar todos os dias se torna mais leve com a presença do cachorro, que o acompanha, dentro de uma sacola de tecido.

Don Cirilo faz questão de carregar seu amigo, para que o trajeto não seja cansativo demais para o pequeno, que se diverte com a cabeça para fora, admirando o mundo.

A foto foi publicada na página do Facebook da ONG Adopta FundaDog e mostra a receptividade dos que a viram. Com o nome de Chiquito, o trabalho diário se transforma em passeio, e todos que encontram os dois pelas ruas admiram a cumplicidade. São longas caminhadas, buscando pessoas que se interessem por comprar vassouras e, em tempos de pandemia, a busca tem se sido cada vez maior.


Direitos autorais: reprodução Facebook/Adopta FundaDog.

Don Cirilo resgatou Chiquito das ruas e transformou sua bondade em algo muito mais profundo, levando-o para sua vida, mostrando quão importante ele é. Mesmo que tenha de caminhar durante horas, ele prefere carregar seu amigo a sair sozinho. A companhia vale mais do que o peso que carrega.

A publicação tem muitos comentários tentando descrever aquele amor e cumplicidade dos dois. Alguns pedem a Deus que abençoe o idoso, outros pedem que a população do município compre as vassouras dele ou ofereça algo ao cão. Martha Cruz, uma das pessoas que comentaram a postagem, afirmou que o conheceu no transporte público e que o amor dele por Chiquito transparece.


Martha ainda explicou que o cãozinho é muito bem tratado, não sai pelas ruas andando e que Don Cirilo faz questão de carregá-lo como se fosse um filho.

Ela conta que ele é muito sapeca e, por vezes, vê os dois sentados na rua lateral de um hospital bem conhecido na região; em todos os momentos, ele é gentil.

Direitos autorais: reprodução Facebook/Adopta FundaDog.

A ternura que damos aos nossos animais revela quem somos. Muitas pessoas acreditam que cuidar de um animal envolve altos gastos mensais, mas a verdade é que tudo o que os pequenos querem é companhia, poder acompanhar seus cuidadores ao máximo de lugares que conseguirem. Claro que quem deseja adotar um animal precisa oferecer-lhe cuidados básicos, como água, comida, um local limpo para dormir e principalmente amor.

Quanta amizade!

Comente abaixo o que achou deste texto e compartilhe-o nas suas redes sociais!

Baixe o aplicativo do site O Segredo e acompanhe tudo de pertinho. Android ou IOS.

Texto escrito com exclusividade para o site O Segredo. É proibida a divulgação deste material em páginas comerciais, seja em forma de texto, vídeo ou imagem, mesmo com os devidos créditos.




Deixe seu comentário

Os comentários são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião deste site.