4min. de leitura

Ignorando as diferenças físicas, amigos se vestem com roupas iguais e se dizem “idênticos”

A mente e o coração das crianças são realmente puros, uma vez que os pequenos não têm preconceitos como nós, não se importam com os padrões da sociedade e são capazes de enxergar muito além do que a aparência física das pessoas.



As crianças veem a alma das outras pessoas, por isso não se importam com a raça, a condição social ou o lugar onde moram, apenas uma boa amizade é suficiente para elas.

Essa pureza dos pequenos frequentemente nos presenteia com grandes momentos, como o que aconteceu com dois amiguinhos de escola do Alabama, Estados Unidos.

Estava chegando o Twin Day (Dia do Gêmeo) na escola em que Myles e Tanner, de 5 anos, estudam, e os dois amiguinhos insistiram em se vestir com roupa igual porque se consideram idênticos. As pessoas não conseguem entender como os meninos se consideram parecidos, mas eles acharam que essa era oportunidade perfeita para provar sua tese a todos.


Britney Tankersley, mãe de Myles, disse que queria que seu gêmeo no evento fosse o colega de classe, Tanner, por causa de sua “estranha semelhança”.

“Ele continuou falando sobre como eles eram exatamente iguais. ‘Nós dois temos olhos castanhos, nós dois temos cabelos escuros’, e ele era inflexível”, relatou Tankersley ao Today.

Devido à insistência do filho, Britney conseguiu entrar em contato com a mãe de Tanner e as duas foram juntas a uma loja Walmart para comprar as roupas iguais para os meninos.


No dia seguinte ao da festa na escola, um professor enviou a Britney uma foto dos meninos de 5 anos de idade, lado a lado, como verdadeiros irmãos gêmeos. A imagem levou a mãe às lágrimas.

Eu estava basicamente chorando porque era muito fofo. […] Obviamente, eu sei que eles não são nada parecidos, mas ele não reparou nisso, sabe? Eu esperava uma foto com outra criança branca, com pele clara e cabelos castanhos, o que seja, mas não. E eu disse: essa é a coisa mais doce do mundo inteiro.

Britney postou a linda foto no Facebook e rapidamente viralizou, com mais de 500 mil curtidas. “Obviamente, duas crianças muito diferentes, mas Myles não viu isso. O mundo seria um lugar tão melhor, se todos pudéssemos vê-lo através dos olhos de algumas crianças de 5 anos”, escreveu na publicação.

Os dois meninos se tornaram melhores amigos e suas famílias começaram a passar mais tempo juntos depois desse dia.

Que história mais linda, não é mesmo?! Todos nós deveríamos recuperar essa pureza e parar de nos preocupar com a cor das outras pessoas, porque o que vale é o que está no coração.

Compartilhe esse lindo exemplo em suas redes sociais!

 

*Com informações de Fox5 Vegas.

Texto escrito com exclusividade para o site O Segredo. É proibida a divulgação deste material em páginas comerciais, seja em forma de texto, vídeo ou imagem, mesmo com os devidos créditos. Direitos autorais das imagens utilizadas no texto: Fox5 Vegas.

Você sabia que O Segredo está no Instagram, Facebook e no Twitter? Siga-nos por lá.



Deixe seu comentário

Os comentários são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião deste site.