publicidade

Irmãs albinas fazem ensaio lindo e provam que a beleza vai além dos padrões

Asel e Kamila estão conquistando as redes sociais com suas fotos e mostrando que todos somos belos e únicos à nossa maneira!



Quando se fala em albinismo, muitos de nós não sabemos exatamente do que se trata. Podemos pensar apenas que as pessoas albinas são muito brancas e frágeis, por isso vivem de forma limitada.

No entanto, duas irmãs do Cazaquistão estão mostrando que o albinismo quebra muitos padrões e que essas pessoas podem se destacar positivamente, porque suas diferenças as tornam únicas.


Asel Kalaganova, de 14 anos, nasceu albina e com uma beleza única. Ela é modelo desde os 10 anos. Kamila Kalaganova, sua irmã de 2 anos, também é albina. Recentemente, as duas realizaram um ensaio fotográfico juntas, que viralizou nas redes sociais.

As fotos são muito bonitas, exaltam as características únicas das duas irmãs e mostram ao mundo que o padrão de beleza verdadeiro é sentir-se feliz.

Em entrevista ao jornal britânico The Daily Mail, Asel disse que muitas pessoas ficam surpresas ao descobrir que ela e Kamila são albinas, e nem sequer sabem o que é o albinismo.

Nem mesmo a mãe das meninas, Aiman Sarkitov, compreendia muito bem o albinismo. Ao site Bored Panda, ela contou que, quando Asel nasceu, ela e o marido não entendiam a situação da filha. Ela relatou que os médicos ficaram chocados com a aparência da criança, e que chegaram a pensar que Asel fosse russa.


Foi depois de leituras e estudos que ela identificou a condição na filha e passou a compreendê-la melhor.

As irmãs dividem um perfil no Instagram, onde têm mais de 50 mil seguidores. Por lá, elas compartilham fotos de seus ensaios e de momentos com a família, e sempre são muito elogiadas pelos seguidores, que apreciam sua beleza única e marcante.

As meninas têm um irmão de 8 anos, que apresenta traços mais semelhantes aos do povo de seu país.

A pele de Asel e Kamila é muito clara, por isso precisam ter muita precaução para que o sol não as prejudique. Para isso, elas têm uma rotina de cuidados que inclui uso de protetor solar e de roupas com manga longa. À noite, podem se vestir e sair de casa com mais liberdade.

O albinismo não é uma condição que conhecemos verdadeiramente, porque não é tão comum encontrarmos pessoas albinas em nosso dia a dia.

No entanto, precisamos buscar mais conhecimento sobre ele e perceber que os albinos são pessoas tão belas e capazes quanto nós, e essas irmãs são uma grande prova disso.

O que você achou das fotos? Lindas demais, não é mesmo?

Compartilhe essa publicação em suas redes sociais e ajude a mostrar que a beleza existe nas mais diferentes formas!

 

 Direitos autorais das imagens utilizadas no texto: reprodução Instagram/@assel_kamila.

Baixe o aplicativo do site O Segredo e acompanhe tudo de pertinho. Android ou IOS.

Texto escrito com exclusividade para o site O Segredo. É proibida a divulgação deste material em páginas comerciais, seja em forma de texto, vídeo ou imagem, mesmo com os devidos créditos.




Deixe seu comentário

Os comentários são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião deste site.