Notícias

Jovem bêbado erra endereço, dorme na casa de estranho e é acordado sob mira de arma. Veja o vídeo

jovem bebado se engana

Um rapaz viveu uma madrugada digna de filme na última quarta-feira (10) em Anápolis, Goiás. Alcoolizado, ele não só errou o próprio endereço, como dormiu na casa de um estranho e acordou sob a mira da arma do dono da residência.



O jovem de 22 anos estava voltando de um bar quando, após dois quilômetros de caminhada, cansou-se e deitou para dormir na calçada. No meio da noite e sem camiseta, ele teria acordado com frio e entrado na residência mais próxima, acreditando que era a casa onde morava.

Ele acordou e abriu o primeiro portão que viu pela frente

Acabou dormindo na casa de um empresário, que o questionou no dia seguinte


Um rapaz viveu uma madrugada digna de filme na última quarta-feira (10) em Anápolis, Goiás. Alcoolizado, ele não só errou o próprio endereço, como dormiu na casa de um estranho e acordou sob a mira da arma do dono da residência.

O jovem de 22 anos estava voltando de um bar quando, após dois quilômetros de caminhada, cansou-se e deitou para dormir na calçada. No meio da noite e sem camiseta, ele teria acordado com frio e entrado na residência mais próxima, acreditando que era a casa onde morava.

O rapaz, porém, estava errado. Por mais que o portão estivesse aberto e ele encontrasse um quarto de hóspedes vazio logo na entrada, havia invadido a residência de outra pessoa, o empresário Daniel José de Souza.


Ao acordar pela manhã, Daniel foi surpreendido pela esposa informando que havia um desconhecido sem camisa dormindo na casa do casal. O empresário, com uma arma em punhos, foi cobrar satisfação do rapaz.

“Não faço ideia de como entrei aqui”, a conversa entre Daniel e o rapaz foi filmada e viralizou nas redes sociais. O empresário aparece perguntando como o jovem foi para dentro de casa.

“Juro por Deus, não faço ideia de como eu entrei aqui. Eu sei que estava vindo embora lá para casa. Peço perdão demais da conta”, diz.

O rapaz mostra-se encabulado pelo episódio. “Estou sem camisa, ela sumiu, foi cara demais. E ainda entrei na casa dos outros. Você acha que isso é normal? Acha que uma pessoa em sã consciência faria isso? Eu acho que não foi só por cachaça. Não tem lógica.”


Após notar a vergonha do invasor, Daniel o libera. O empresário explicou que o portão de sua casa deve ter ficado aberto após uma entrega feito na noite anterior.

Mulher decepa testículos e pênis de homem após constantes tentativas de estupro em MG

Artigo Anterior

Os comentários são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião deste site.