Notícias

Jovem morre após entrar em buraco de cachoeira para tirar foto

Um jovem morreu afogado neste sábado (14) na fenda de uma cachoeira de um balneário em Aripuanã (MT).


André Augusto Campos Oliozi, de 23 anos, ficou preso na fenda por uma hora e morreu antes de ser socorrido.

Testemunhas disseram ao Corpo de Bombeiros que o jovem tentava tirar fotos no local quando ficou preso entre as pedras e se afogou. Ele estava acompanhado do primo dele e de colegas
Segundo os bombeiros, o chamado ‘buraco de pilão’ de pedra na Cachoeira Dardanelos é sempre procurado por banhistas para tirar fotos.

São buracos pequenos com água, geralmente que cabem apenas uma pessoa, onde os banhistas entram para tirar selfies.

André Augusto Campos Oliozi, de 23 anos, gostava de postar fotos das aventuras que passava — Foto: Facebook


Outras pessoas que perceberam o afogamento pediram socorro. Equipes da Polícia Militar e Corpo de Bombeiros de Juína foram ao local.
Os bombeiros ainda tentaram manobras para reanimar o jovem, mas não conseguiram.


Os militares fizeram uma maca improvisada para retirar o corpo até um lugar seguro. — Foto: Corpo de Bombeiros de Juína

Por estar em um local de difícil acesso, os militares fizeram uma maca improvisada para retirar o corpo até um lugar seguro.

André trabalhava em uma academia e em uma autoescola em Aripuanã. O corpo foi encaminhado para um legista que apontará a causa da morte do rapaz.

Homem mata esposa com tiro e diz em hospital que vítima passou mal

Artigo Anterior

No hospital, Zeca Pagodinho agradece orações e pede: “O importante é se vacinar”

Próximo artigo

Os comentários são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião deste site.