Notícias

“Julgar é fácil”, entenda porque Zé Vaqueiro deixou a mãe de fora do casamento dele

Design sem nome 2021 10 28T083014.114

O casamento luxuoso do “cantor do momento”, ocorrido no último dia 25, Zé Vaqueiro, trouxe à tona situações familiares suas, bem como o seu passado, por tabela.



Ele não convidou a sua mãe, Nara Marcolino, para que comparecesse à cerimônia. Esse fato gerou bastante curiosidade e polêmica nas redes sociais, onde o cantor foi alvo de muitas críticas.

Segundo publicado pela colunista Keila Jimenes, do site R7, o que parece ter havido foi uma quebra de vínculo entre mãe e filho logo na infância.

O cantor nasceu e foi criado em Ouricuri, sertão pernambucano. Segundo informa a colunista, Zé Vaqueiro conta que a mãe não deixou de trabalhar quando estava grávida. Nara de Sá é cantora de forró e se apresentava quando o herdeiro resolveu vir ao mundo.


A mãe teria focado na carreira e deixado o pequeno Zé Vaqueiro com a avó, pessoa que o educou e criou e com quem entrou na sua cerimônia de casamento.

Para o cantor, a avó é a sua verdadeira mãe. A colunista informa que o cantor não abandonar a mãe financeiramente, principalmente depois do sucesso. Chegou a ficar mais de um ano sem ver a mãe. Eles se reaproximaram depois de Zé Vaqueiro tornar-se um sucesso nacional.

E arremata “Daí vem a explicação para muitas mágoas e angústias do passado difícil do cantor. Além de ser responsável pela criação dele, a avó é uma das maiores incentivadoras da carreira do cantor e guarda até hoje os caderninhos com as composições do neto”.

Em suas redes sociais, o artista afirmou, sobre essa questão:


“Ser uma pessoa pública não me obriga a expor minhas feridas, espero que as pessoas compreendam e respeitem. É muito fácil julgar o que não viveu. Att, José Jacson“, escreveu, assinando com o nome verdadeiro.

Julgar é mesmo fácil, vivenciar os traumas cotidianos, não.

Milton da Silva, pai de Ayrton Senna, morre aos 94 anos em São Paulo

Artigo Anterior

Casagrande sobre Maurício Souza: “Homofóbico, covarde e mau-caráter”

Próximo artigo

Os comentários são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião deste site.