Notícias

Kelly Key revela que ganhou seu primeiro milhão de reais aos 18 anos

Capa Kelly Key revela que ganhou seu primeiro milhao de reais aos 18 anos

A cantora contou esse fato curioso de sua carreira por meio de uma corrente de perguntas muito popular no Instagram.

A cantora sensação dos anos 2000, Kelly Key, foi mais uma usuária da rede social Instagram que se rendeu ao desafio de compartilhar cinco curiosidades sobre si em uma publicação nos stories. A artista, que conta com 8,6 milhões de seguidores no aplicativo, publicou suas revelações, entre elas uma surpreendente: ela alcançou a bagatela de R$ 1 milhão aos 18 anos.

De acordo com informações do site de notícias Metrópoles, outra revelação de Kelly foi que, apenas um ano antes de ganhar o seu milhão, ela havia se tornado mãe pela primeira vez.

As outras três curiosidades da postagem eram que Kelly adorava mexer no umbigo para relaxar, sofria de joanete e tinha a própria caixa de ferramentas para fazer os reparos do lar.

Pouco tempo antes da revelação milionária na rede social, Kelly Key esteve no foco da mídia mais uma vez quando falou dos desafios de ser mãe e conciliar seu capital, que para surpresa de alguns a cantora revelou não ter vindo apenas da música.

2 Kelly Key revela que ganhou seu primeiro milhao de reais aos 18 anos

Direitos autorais: Reprodução Instagram: @oficialkellykey.

Kelly relatou que sentia não estar tão presente quanto gostaria para sua primogênita Suzana, pois ainda era muito nova e estava construindo sua carreira. Segundo ela, no auge da carreira, capitalizou e investiu bastante o dinheiro que ganhava, plantando no passado um futuro mais confortável para si e a família. A cantora se recorda que chegou a passar cinco anos trabalhando direto, sem ao menos dormir direito. Quando conseguia um momento de descanso longe dos palcos, era para cuidar da filha, que era apenas um bebê.

Kelly, que agora tem três filhos, diz que atualmente a música não é mais sua fonte principal de renda, mas um algo a mais.

Preconceito por ser bonita

Outro momento da cantora que chamou a atenção foi quando publicou um vídeo no YouTube revelando que, ao longo de sua carreira, ela teria sofrido discriminação por conta da aparência, mas por ser bonita demais, Key declarou.

De acordo com a artista, durante toda a sua jornada na música, ela sentiu que seu talento era diminuído por conta de sua aparência. Quando era mais nova e se imaginava com a idade que estava ao gravar o vídeo com o desabafo (38 anos), Kelly imaginava que já estaria completamente segura de si, mas se descobriu uma mulher que ainda carrega suas inseguranças sobre o presente e o futuro.

Em seguida, ela falou que, por ter desenvolvido um corpo com curvas desde cedo, sofreu com comentários e dúvidas sobre sua profissão de cantora desde o princípio da carreira. Era perguntada se sabia cantar de fato, ouvia comentários sobre seu corpo relacionados ao seu talento e chegou até a recusar convites para projetos muito interessantes com outros artistas por medo do que as pessoas diriam sobre ela e seu trabalho. A insegurança tomava conta da artista.

Durante sua carreira, Kelly disse que sua maior insegurança era falar sobre beleza e trabalho, pois sabia que ouviria críticas por ser uma mulher no ramo do entretenimento que sempre gostou de cuidar da aparência. Ela tinha receio de ser julgada pela aparência, já que sempre foi tida como uma mulher atraente.

3 Kelly Key revela que ganhou seu primeiro milhao de reais aos 18 anos

Direitos autorais: Reprodução Instagram: @oficialkellykey.

Kelly falou que foi uma grande luta tentar provar às pessoas que era mais do que só sua imagem, sentia que ser bonita não era uma vantagem dado o nível de comentários pesados e grosseiros que recebia.

Apesar de parecer absurdo no primeiro momento, a declaração de Kelly é baseada em algo que de fato acontece. Mulheres são incentivadas a vida toda a estar sempre bonitas, de acordo com o que as normas de beleza pedem, mas se demonstram gostar desse cuidado, podem sofrer certo escrutínio da sociedade. É nesta linha de pensamento que partem coisas como o estereótipo da “loira burra”, uma descrença de que uma mulher seja convenientemente atraente e inteligente ao mesmo tempo.

0 %