Notícias

Levy Fidelix falece em decorrência da covid-19, aos 69 anos

Fundador do Partido Renovador Trabalhista Brasileiro, o político estava internado desde março em hospital de São Paulo.



O falecimento de Levy Fidelix foi confirmado por familiares e posteriormente pela assessoria do PRTB, partido que foi criado por ele. Aos 69 anos, o político havia sido internado em um hospital particular de São Paulo e morreu por complicações da covid-19.

De acordo com informações da Revista Quem, o prefeito de Sorocaba, Rodrigo Manga escreveu uma nota de pesar sobre a partida de Levy. Ele disse que o fundador do PRTB era um grande líder nacional.

Outros políticos também prestaram homenagens. O deputado federal José Medeiros desejou força e prestou sentimentos à família. No perfil de Levy, o comunicado de seu falecimento foi divulgado no dia 24. A nota dizia que era com extremo pesar e dor que o PRTB anunciava a morte do líder, fundador e presidente do partido.


O eterno líder deixa como legado um grande dinamismo, bom combate, criatividade e honradez, assim como a lisura em suas ações e a fé inabalável, que foram norteadoras para sua vida pública e privada. A nota ainda continuou dizendo sobre as características de Levy, que era um brasileiro notável, estando sempre presente em grandes debates nacionais.

De forma direta contribuiu para uma nação mais justa, defendeu a vida, as liberdades individuais e o equilíbrio entre passado, presente e futuro, sempre em prol do bem comum. O comunicado foi finalizado com uma saudação ao homem do “Aerotrem”.

Levy Fidelix iniciou sua carreira na política em 1986 ao fundar o PL (Partido Liberal). Antes trabalhou como jornalista, fundou três revistas e foi âncora de um programa sobre informática na TV Bandeirantes e no SBT. Passou mais de 30 anos na política, mas não foi eleito para nenhum cargo. Foi responsável pela fundação do PRTB para se candidatar à presidência da República.

Em 96, ficou nacionalmente conhecido por apresentar a famosa proposta do Aerotrem, que seria um trem de alta velocidade que seria a solução para o problema do trânsito em São Paulo.


Disputou as eleições de 2010 e 2014. Suas aparições nos debates renderam bastante polêmicas, mas foram as votações mais expressivas de sua carreira política, onde recebeu mais de 440 mil votos. O político em 2020 tentou a prefeitura de São Paulo. Levy Fidelix deixa a esposa, Aldineia Rodrigues Cruz e três filhos.

Tatá Werneck volta a comentar sobre estado de saúde de Paulo Gustavo: “Melhorando muito”

Artigo Anterior

Recém-nascida é encontrada em caixa de papelão em Salvador com carta escrita por possíveis pais

Próximo artigo

Os comentários são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião deste site.