publicidade

Lição da abelha, sobre o desapego

“As abelhas nos dão um grande exemplo de DESAPEGO.



Após construírem a colmeia, elas abandonam-na.

E não a deixam morta, em ruínas, mas viva e repleta de alimento.

Todo mel que fabricaram além do que necessitavam é deixado. Batem asas para a próxima morada sem olhar para trás.


Num ato incomum, abandonam tudo o que levaram a vida para construir.

Simplesmente, o soltam sem preocupação se vai para outro.

Deixam o melhor que têm, seja pra quem for – o que é muito diferente de doar o que não tem valor ou dirigir a doação para alguém de nossa preferência.


Se queremos ser livres, parar de sofrer pelo que temos e pelo que não temos, devemos abrigar um único desejo: o de nos transformar. Assim, quando alguém ou algo tem de sair de nossa vida, não alimentamos a ilusão da perda.

O sofrimento vem da fixação a algo ou a alguém.

O apego embaça o que deveria estar claro: por trás de uma pretensa perda está o ensinamento de que algo melhor para nosso crescimento precisa entrar.

Se não abrirmos mão do velho, como pode haver espaço para o novo?”

Autor desconhecido

Baixe o aplicativo do site O Segredo e acompanhe tudo de pertinho. Android ou IOS.

Texto escrito com exclusividade para o site O Segredo. É proibida a divulgação deste material em páginas comerciais, seja em forma de texto, vídeo ou imagem, mesmo com os devidos créditos.




Deixe seu comentário

Os comentários são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião deste site.