Notícias

Lutadora de Muay Thai é importunada e aplica “mata-leão” em homem dentro de ônibus em Belém

lutadora de

Imagens de um caso de importunação sexual viralizaram esta semana em Belém, mostrando uma mulher imobilizando um homem que, de acordo com o Boletim de Ocorrência registrado, teria se aproveitado que o coletivo estava lotado para esfregar a genitália na jovem.



O caso ocorreu dentro de um ônibus lotado que percorria a avenida Pedro Álvares Cabral, próximo à travessa Tavares Bastos, na última quarta-feira (20).

A mulher é lutadora de Muay Thai, capoeirista, rendeu o homem pelo pescoço com os braços e ainda deitou o homem no chão, (veja no vídeo).

Segundo o relato dela, o abusador subiu no coletivo, ficou atrás dela e chegou a abrir o zíper. Ele já foi identificado pela Polícia. A Polícia Civil informou que o caso foi registrado e está sendo investigado pela Delegacia Especializada no Atendimento à Mulher.


A importunação sexual é crime pode levar de 1 a 5 anos de prisão. Está previsto na Lei Federal nº 13.718/2018, mais conhecida como Lei de Importunação Sexual, como crime a “prática contra alguém e sem a sua anuência ato libidinoso com o objetivo de satisfazer a própria lascívia ou a de terceiro”.

Nos casos mais graves, se o abusador usar de violência ou grave ameaça para a prática dos atos libidinosos pode ser enquadrado no crime de estupro. As autoridades de segurança reforçam que é importante registrar o caso junto à Polícia.



Se você presenciar um episódio de violência contra a mulher ou for vítima de um deles, denuncie o quanto antes através do número 180, que está disponível todos os dias, em qualquer horário, seja através de ligação ou dos aplicativos WhatsApp e Telegram.

Mãe que atropelou filha na garagem de casa faz um alerta aos pais: “Não tenham pressa”

Artigo Anterior

Separado na universidade por causa da cor da pele, casal se reencontra após 42 anos!

Próximo artigo

Os comentários são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião deste site.