Notícias

Mãe de bebê Alice reclama de uso indiscriminado de imagem da filha após comercial de banco

Mae de bebe Alice reclama de uso indiscriminado de imagem da filha apos comercial de banco
Comente!

A mãe compartilhou sua opinião nas redes sociais, mas muitas pessoas não estão concordando com o seu discurso. Entenda melhor o caso!

As redes sociais são algumas das ferramentas que proporcionam mais oportunidade de sucesso e fama em nossa sociedade atual.

A diversidade de plataformas disponíveis e a infinidade de conteúdo que podemos compartilhar fazem do meio virtual uma das maneiras preferidas por pessoas de todas as idades para conquistar popularidade e renda mais estável e interessante.

Podemos encontrar pessoas de todos os lugares do mundo fazendo sucesso com conteúdos dos mais diversos nichos, como cultura, humor, reflexões, comidas, eventos. E o público costuma se engajar bastante com os criadores de conteúdo das redes sociais, especialmente se encontra alguém com o qual sua personalidade se identifica.

No entanto, a mesma facilidade têm os usuários para criticar determinados comportamentos com os quais não concordam. Desde a última quinta-feira (6), Morgana Secco, mãe da famosa bebê Alice, tem recebido uma chuva de críticas na web por se manifestar sobre uma questão que não lhe está agradando nem um pouco.

Alice é uma menina de apenas 2 anos que faz muito sucesso graças à sua inteligência e capacidade de repetir até as palavras mais complicadas de forma correta e sempre muito fofa.

Muitos internautas já conheciam a menina por conta dos vídeos viralizados, mas seu nome ganhou ainda mais repercussão quando ela estrelou um comercial de fim de ano de um banco junto com a premiada atriz Fernanda Montenegro. No comercial, Alice repete palavras ditas por Fernanda Montenegro, como “esperança”, “respeito”.

Como o comercial fez muito sucesso, não demorou muito até que os usuários das redes sociais começassem a produzir memes, figurinhas, testes e outros tipos de conteúdo usando o rosto da pequena Alice.

A grande exposição da menina, no entanto, não agradou à sua mãe, que recorreu às redes para desabafar e manifestar sua indignação com o público. Em um vídeo publicado em seu perfil no Instagram, Morgana disse estar recebendo diversos memes com o rosto da filha há dias, e que a maioria eram inocentes, mas outros não.

Grande parte dos memes usa a imagem da menina com palavras não ditas por ela, substituindo o “r” pelo “l”, assim Alice faz. Um deles usa a imagem da pequena junto com a palavra “desespelo”, para indicar a reação das pessoas ao verem o valor da fatura do cartão de crédito.

Morgana explicou que não autorizou nenhum desses memes e que não concorda com o uso da imagem da filha com fins políticos ou religiosos, por exemplo. Também esclareceu que não autorizou tal uso por empresas, com as quais não têm contrato, em campanhas de divulgação. Seu objetivo é evitar que determinadas marcas usem a imagem da filha para se promover.

Ainda na postagem, a mãe de Alice pediu para as pessoas terem bom senso na hora de publicarem algo com a imagem da menina e que peçam para as pessoas que compartilham postagens indevidas excluírem-na.

A intenção de Morgana com a publicação era contar com a empatia e o apoio do público, mas muitas das pessoas que ficaram sabendo do seu pedido se manifestaram de forma contrária a ela.

Nas redes sociais, é possível ver diversos comentários de usuários que afirmaram que ela não tem direito de reclamar, porque usou a imagem da filha para ganhar fama e lucro durante todo tempo, acrescentando que não há como controlar a geração de conteúdo online.

Outros, no entanto, a defendem, concordando que as pessoas não têm o direito de usar a imagem da menina onde quiserem.

Veja o vídeo que repercutiu da Alice no comercial:

Comente!

Filho indígena carrega o pai para tomar vacina contra a Covid-19

Artigo Anterior

Pai que perdeu filha de 7 anos para a Covid celebra a liberação de vacina para as crianças

Próximo artigo