Comportamento

Mãe de Natália, do BBB22, diz que o reality piorou o vitiligo da filha

Capa Ela esta com novas manchas. Mae de Natalia do BBB 22 acha que o reality piorou o vitiligo da filha

O estresse e as fortes emoções que o reality proporciona podem, de fato, piorar o caso de vitiligo de alguns pacientes.

Em uma edição que demorou mais do que as anteriores para encontrar o ritmo de sua narrativa, a vigésima segunda edição do Big Brother Brasil foi marcada por alguns personagens específicos, antes mesmo da edição terminar.

Ao falarmos do BBB 22 no futuro, certamente iremos lembrar da rixa entre Jade Picon e Arthur Aguiar, da expulsão de Maria, da união entre Linn da Quebrada e Naiara Azevedo e mais.

Uma das figuras emblemáticas dessa edição certamente é a mineira Natália Deodato. Antes mesmo de entrar na casa, Natália já fazia história no reality, uma vez que foi a primeira pessoa com vitiligo a fazer parte do elenco do programa, em mais de 20 anos do BBB no ar.

Natália entrou na casa como uma incógnita para a maioria dos telespectadores, mas logo conquistou uma legião de seguidores, que apreciam o agito que ela trazia para casa e ficaram ao seu lado depois que alguns participantes – a maioria deles do quarto Lollipop – insistiram em colocá-la no paredão durante semanas seguidas. O público de BBB sempre tende a acolher quem está sendo “perseguido” na casa, por isso Natália – que ganhou o apelido de “Bad Nat” – logo se tornou uma das sensações do programa nas primeiras semanas.

Com o passar dos dias de confinamento, sua narrativa deu espaço a outras que ficaram em foco no reality, como a ascensão da narrativa de “isolado” de Arthur Aguiar, mas Natália segue como uma das participantes que se destacam nesta edição.

2. Ela esta com novas manchas. Mae de Natalia do BBB 22 acha que o reality piorou o vitiligo da filha

Direitos autorais: Reprodução /Rede Globo

A sister já falou dentro da casa diversas vezes sobre a condição que a atinge, o vitiligo, doença que causa manchas pela pele. Natália já falou abertamente sobre a força que precisou ter desde a infância para não deixar que os comentários dos outros sobre sua pele lhe deixassem abalada. Ela se tornou uma mulher irreverente e cheia de vida, mas que guarda em sua memória alguns traumas difíceis de lidar.

Sua mãe, Daniela Aparecida Rocha, de 37 anos, esteve ao lado da filha desde que as primeiras manchas surgiram em sua pele, aos 9 anos. Embora ela acredite que o reality possa ser uma grande oportunidade para sua filha, ela acredita que sua participação pode ter piorado a condição do vitiligo.

De acordo com o relato feito ao jornal Metrópoles da cabeleireira e manicure, os médicos demoraram cerca de um ano para diagnosticar Natália. A mãe se recorda que as marcas pelo corpo da filha vinham acompanhadas de bordas avermelhadas, por isso biopsias precisaram ser feitas até que o diagnóstico final fosse dado.

No caso de Natália, o vitiligo veio como uma condição hereditária, uma vez que existem outras pessoas na família que sofrem com a questão, Daniela contou. A família incluiu medicamentos no orçamento da casa, para ajudar a filha a lidar com a doença autoimune.

3 Ela esta com novas manchas. Mae de Natalia do BBB 22 acha que o reality piorou o vitiligo da filha

Direitos autorais: Reprodução Instagram / @natalia.deodato

Embora sua saúde estivesse assistida, a mãe da sister de 22 anos se lembra que a autoestima da filha não passou inabalável pela situação. A mãe se lembra de uma Natália cabisbaixa na adolescência, uma menina que se sentia rejeitada. Foi somente aos 13 anos, quando mudou de escola, que a mãe percebeu uma melhora na autoestima da filha. Daniela se surpreendeu com a volta por cima da filha e admitiu que, muitas vezes, ela sentia que Natália a ajudava a lidar com a doença também, pois como mãe ela ficou muito abalada com o diagnóstico.

4 Ela esta com novas manchas. Mae de Natalia do BBB 22 acha que o reality piorou o vitiligo da filha

Direitos autorais: Reprodução Instagram / @natalia.deodato

A decisão de Natália de fazer parte do BBB preocupou sua mãe desde o princípio, mesmo que aparecer na televisão sempre tenha sido um sonho da jovem. Daniela acreditava que poderia ser algo muito agressivo para a filha, mas em 2022 seu pensamento mudou e ela conseguiu dar mais forças para a filha.

Embora esteja feliz de ver a filha brilhar, Daniela, que acompanha o pay-per-view constantemente, já notou que a filha apresenta novas marcas brancas do vitiligo pelo corpo, sinal de que o quadro da doença não está dos melhores. A mãe acredita que a piora no quadro seja efeito das fortes emoções que a filha passa no confinamento, o que de acordo com especialistas na doença, pode ser verdade, uma vez que fatores emocionais podem sim interferir na doença.

0 %