Comportamento

Mãe divorciada substituiu filhos que saíram de casa por bonecas: “Esses nunca vão me deixar”

Capa Mae divorciada substituiu filhos que sairam de casa por bonecas Esses nunca vao me
Comente!

A atitude estranha da mulher aconteceu logo depois do divórcio conturbado e que seus filhos foram morar com o pai.

Uma mãe divorciada, que repentinamente se viu morando sozinha, pois os filhos foram morar com o pai, revelou que gastou milhares de dólares em bonecos humanos para ajudá-la a lidar com a perda.

De acordo com informações do Daily Mail, Liz Watson de Clifton, da Virgínia (EUA), autoproclama mãe “renascida” desde 2016, quando descobriu o hobby online e em vídeos do YouTube de cuidar de bonecas similares a recém-nascidos, as “babies reborn”. Ela construiu um berçário inteiro para sua coleção de bonecas “renascidas”.

Os modelos caros são feitos de silicone e vinil e criados para imitar bebês humanos, e Liz diz que eles ajudam a preencher o buraco deixado por seus dois filhos mais velhos, do seu primeiro casamento, que se mudaram para longe dela para morar com o pai Steve.

Ao fim de um divórcio complicado, Liz fez a difícil escolha de se mudar com os dois filhos mais velhos daquele casamento para uma parte diferente do país, a fim de viver com o seu agora marido Jeff e a filha compartilhada, de 18 meses, Journey.

No entanto, os mais velhos lutaram contra a mudança, então Liz tomou a decisão de partir seu coração de permitir que eles voltassem para a casa do pai no Kansas.

Liz diz que experimentou a sensação de perda e começou a sentir ansiedade sobre o quanto da vida de Dylan, de 15 anos, e Asher, de 13, ela perderia. Assim decidiu migrar para o mundo das bonecas renascidas e, assim, sua coleção começou. Ela comprou a primeira apenas cinco meses depois que os filhos voltaram a morar com seu ex-marido.

2 Mae divorciada substituiu filhos que sairam de casa por bonecas Esses nunca vao me deixar

Direitos autorais: Reprodução Instagram / @mybabybugaboos

Desde então, a coleção de Liz cresceu e ela agora é a mãe orgulhosa de nove bonecas renascidas, todas com os próprios nomes: Juniper Anne, Willa Jane, Nixon Gray, Benedict Arthur, Jax Ethan, Crevan Ridge, Paisley Rye, Isla Blu e Oaklyn Elise.

A faixa etária das bonecas varia de recém-nascidas a 12 meses, porém sua preferência é adaptar as idades de acordo com a roupa que vestem, já que quem as produz não se preocupa com idade. A mãe garante que esses bebês nunca a deixarão.

Embora as bonecas renascidas tenham a reputação de ser enervantes e assustadoras para algumas, Liz descobriu que elas a ajudaram em um período extremamente difícil de sua vida, proporcionando-lhe conforto e alívio, além de permitir que ela voltasse no tempo e revivesse um pouco daqueles momentos mais felizes de quando os quatro filhos eram bebês.

Apesar de sua grande coleção, Liz não consegue precisar o quanto gastou até agora. A média de preço das bonecas é de US$ 350 a US$ 1.500, dependendo do artista que as cria.

3 Mae divorciada substituiu filhos que sairam de casa por bonecas Esses nunca vao me deixar

Direitos autorais: Reprodução Instagram / @mybabybugaboos

Liz dedicou um cômodo inteiro da casa a um berçário funcional para suas bonecas, que inclui um berço, um guarda-roupa, um trocador e prateleiras para guardar fraldas, artigos de toalete e acessórios para bebês. Ela usa esse espaço para cuidar de seus renascidos, além de, às vezes, levá-los para o próprio quarto.

A mãe admite que a decisão de deixar os filhos morarem com o pai foi a mais difícil de sua vida, ela sentiu como se os estivesse entregando para adoção, ficou atormentada só de pensar em quantas coisas da vida dos filhos que estava perdendo. Por mais que alguns achem estranho, a mulher explicou que cuidar de suas bonecas a ajudou a passar por esse momento tão difícil de sua maternidade.

Você pode conferir a rotina de Liz com as bonecas no Instagram, onde ela criou uma conta para publicar mais sobre suas reborns.

Comente!

Fracas demais! As pessoas destes 2 signos se despedaçam quando algo dá errado!

Artigo Anterior

Jovem vai a abrigo para adotar cão e acaba encontrando sua cadela perdida há 10 meses

Próximo artigo