Comportamento

Mãe revela que dá banho com água sanitária em bebê para tratar sua pele e recebe críticas nas redes sociais!

Nikki explicou que o filho sofre eczema, uma doença na pele, e que o pediatra foi quem indicou a receita, mesmo assim, muitos seguidores questionaram a abordagem da mãe.



Quem nunca ouviu falar naquela receitinha de vó para curar doenças e machucados? Basta fazer um roxo que logo a figura sábia da família aparece com os ingredientes mais estranhos para curar aquele simples hematoma.

São formas de lidar com as doenças e os ferimentos muito comuns há alguns anos, quando não tínhamos a possibilidade de levar as crianças a uma consulta médica ou nem sequer havia hospital naquela comunidade para que elas fossem atendidas.

Hoje em dia, com o desenvolvimento da área médica, o aprofundamento em pesquisas e a produção de medicamentos fazem com que não seja mais tão necessário apelar para essas estratégias. Isso não significa que sejam ruins, obviamente, tampouco sua eficácia foi comprovada por algum órgão de saúde, o que coloca em xeque o funcionamento desses tratamentos alternativos.


Recentemente, uma mãe australiana compartilhou em suas redes sociais um vídeo do seu filho tomando um relaxante banho na banheira, com uma legenda que causou muitas críticas e comentários de seus seguidores.

Nikki revela que costuma dar banhos com água sanitária em seu bebê para tratá-lo de um eczema, uma espécie de inflamação na pele, que pode ser aguda ou crônica, causando muito desconforto e coceiras.

Nikki conta que Wolfie, seu filho, sofre de eczema leve, o que deixa a pele dele muito seca, com coceira, vermelhidão e, em alguns momentos, até dolorida. Para tratar essa condição, ela costuma fazer “banhos de água sanitária”, e chegou até a passar a receita em seu Instagram para outras famílias, explicando como funciona o tratamento alternativo.

Direitos autorais: reprodução Instagram/@tinyshearteducation.


Em sua explicação, a mãe diz que não costuma fazer o tratamento sem acompanhamento médico, e que a enfermeira que atende a família o recomenda, afirmando que é uma prática muito comum contra eczema.

Paed, a enfermeira, conta que o banho de água sanitária diluída em um banho morno é muito comum nas enfermarias da Austrália, já que o produto é usado para matar a bactéria que causa a infecção na pele, reduzindo a gravidade da doença e o incômodo que a provoca.

Paed ainda explica que a concentração de água sanitária utilizada nesses banhos é mais baixa do que a quantidade usada em piscinas comuns. Mesmo assim, a prática só pode ser recomendada pelo pediatra que acompanha a criança, e nunca deve ser feita antes de uma avaliação profissional da condição médica dela.

Direitos autorais: reprodução Instagram/@tinyshearteducation.


Na legenda do vídeo, Nikki diz que só pode ser usado o alvejante puro, hipoclorito de sódio 4,2%, sem nenhum tipo de aroma. É preciso seguir corretamente a proporção indicada pelo médico, já que pouca água sanitária não fará diferença alguma, e muita pode causar reações na pele, o recomendado pelo Royal’s Children Hospital é 12 ml do produto para 10 l de água. Não é preciso enxaguar a criança após o banho, a menos que a solução lhe tenha causado algum tipo de irritação.

Muitos seguidores criticaram a postura da mãe, acreditando que a prática não deveria ser incentivada nas redes sociais, já que o produto é facilmente encontrado, o que pode fazer com que muitas famílias adotem o banho sem passar por nenhuma consulta médica.

Uma mãe ficou inconformada com a informação, e comentou na publicação explicando que os alvejantes são considerados venenos, tanto para adultos quanto para crianças, mas que, mesmo assim, as “doutoras” estavam recomendando que dessem banho com esse mesmo produto nos filhos. Para ela, existem outras formas mais seguras de se tratar a doença, e ninguém deveria seguir essa receita caseira, já que pode colocar em risco a saúde dos bebês e crianças.

Direitos autorais: reprodução Instagram/@tinyshearteducation.


Outros pais revelaram que já foram criticados em outras ocasiões enquanto perguntavam sobre o banho de água sanitária em fóruns de discussão, e agradeceram por Nikki ter compartilhado as informações que tinha, amparada por uma enfermeira. Outras famílias disseram estar curiosas para testar a receita do banho, enquanto outras relataram as boas experiências que tiveram com a alternativa.

É importante ressaltar que a internet, com ênfase nas redes sociais, sempre nos apresenta alternativas baratas e caseiras para tratar inúmeros problemas. Nem sempre essas receitas são indicadas por médicos e profissionais da área da saúde, e podem causar danos à saúde sérios.

Por isso, sempre consulte o médico da família, o pediatra das crianças ou os profissionais em que você confia, e nenhum medicamento deve ser ministrado sem recomendação médica, assim como nenhum tratamento alternativo.


Adriana Sant’anna revolta funcionárias domésticas após declaração

Artigo Anterior

Filho realiza o sonho de mãe empregada doméstica de ter cozinha igual à das casas onde trabalhou

Próximo artigo

Os comentários são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião deste site.