publicidade

Mau humor do pai pode afetar seriamente o desenvolvimento dos filhos, constata estudo!

“Quem não tem um bom pai deve procurar um.” ~ Friedrich Nietzsche



Centenas de estudos têm solidificado o fato de que o amor de um pai é tão importante para o desenvolvimento de uma criança como o amor da mãe, e às vezes até mais …

Uma pesquisa tem demonstrado enfaticamente que, em geral, o amor – ou rejeição – de mães e pais afeta o comportamento, autoestima, estabilidade emocional e saúde mental das crianças. De acordo com Ronald P. Rohner, Ph.D., diretor do Center for the Study of Parental Acceptance and Rejection at the University of Connecticut (Centro Para o Estudo da Aceitação e Rejeição dos Pais da Universidade de Connecticut) em alguns casos, a retirada do amor, aceitação e presença de um pai parece desempenhar um papel maior em problemas de seus filhos, como personalidade e ajustamento psicológico, delinquência e abuso de substâncias.

E, claro, o oposto é verdadeiro. A presença do amor de um pai aumenta a sensação de bem-estar das crianças e melhora a sua saúde física e emocional. … Mas isso é de conhecimento comum. A maioria das pessoas está consciente e reconhece os impactos do pai sobre seus filhos.


Estado mental do pai afeta diretamente seus filhos

mau-humor-do-pai

Estudiosos da Michigan State University (MSU) realizaram um estudo e suas conclusões não só sublinham a importância do papel do pai na vida de seus filhos, mas provam que o estado mental e humor do pai tem efeitos de curto e longo prazo diretos sobre seus filhos.

No estudo, os pesquisadores da MSU recolheram dados de cerca de 730 famílias. Eles concentraram sua atenção em descobrir os efeitos do estresse e problemas de saúde mental dos pais, tais como depressão e ansiedade em seus filhos. Os pesquisadores descobriram que os níveis de estresse e problemas de saúde mental dos pais afetaram como eles interagiam com seus filhos e, posteriormente, o desenvolvimento da criança.



Pai e filha

Uma das descobertas mais surpreendentes derivadas deste estudo é que a saúde mental de um pai tem implicações duradouras que se correlacionam diretamente às diferenças nas habilidades sociais das crianças (tais como autocontrole e cooperação) no momento em que as crianças chegaram a quinta série. Na verdade, a depressão do pai durante os anos da infância é mais influente no desenvolvimento das habilidades sociais de uma criança mais tarde na vida do que a depressão ou ansiedade da mãe.

O estudo também destacou o fato de que os níveis de estresse relacionados com a paternidade de um pai têm um efeito particularmente negativo sobre o desenvolvimento cognitivo e de linguagem de seus filhos, quando as crianças tem de 2 a 3 anos de idade, mesmo na presença de influências positivas da mãe. Como seria de se esperar, a influência do pai parece ter um efeito mais forte sobre a linguagem dos meninos do que das meninas.

Estes resultados empíricos, baseados em evidências são uma lembrança pungente que todo pai tem a responsabilidade de cuidar de seu próprio bem-estar psicológico, a fim de estimular e promover o bem-estar de seus filhos.

Uma coisa edificante e positiva que vem a partir deste estudo é que agora temos uma prova sólida, científica de que os pais desempenham um papel tão importante na criação dos filhos quanto as mães, e que sua presença e tratamento é crucial para ajudar uma criança a aprender e crescer adequadamente.


Mudanças de humor do pai

mau-humor-do-pai2

Abaixo estão algumas dicas para os pais minimizarem os impactos negativos que seu mau humor pode ter sobre seus filhos:

  • Aceite o fato de que você vai se sentir estressado – Compreender e aceitar que o estresse é uma parte da criação dos filhos é fundamental para ajudar a reduzir o seu impacto sobre o seu humor. Se você entende isso, pode minimizar proativamente os efeitos que estão em seu humor e reduzir o número de reações negativas exteriormente.
  • Conheça seus gatilhos e trabalhe para aliviar o estresse o mais rápido possível – Aprender a ficar em sintonia consigo mesmo é uma das melhores coisas que você pode fazer por si mesmo. Descubra quais situações, pensamentos ou momentos causar-lhe mais stress. Elas podem ser evitadas? O que você pode fazer para evitar ou minimizar esses momentos? Tire tempo e se envolva em atividades que reduzam seus níveis de estresse. Se envolva em um esporte ou hobby, descanse, dê um passeio na praia ou caminhe na natureza.
  • Obtenha ajuda – Se você está se sentindo sobrecarregado ou tem um histórico de depressão, ansiedade ou doença mental, não se esqueça de procurar ajuda profissional. É imperativo para você e para seus filhos. Considere o “modelo de segurança do avião.” Durante o discurso de segurança da aeromoça, você é instruído a colocar a sua própria máscara de oxigênio primeiro e depois ajudar aqueles ao seu redor. A mensagem aqui é que você não pode ajudar os outros a respirarem se está sufocando.

__________________

Traduzido pela equipe de O SegredoFonte: Life Hack

Baixe o aplicativo do site O Segredo e acompanhe tudo de pertinho. Android ou IOS.

Texto escrito com exclusividade para o site O Segredo. É proibida a divulgação deste material em páginas comerciais, seja em forma de texto, vídeo ou imagem, mesmo com os devidos créditos.




Deixe seu comentário

Os comentários são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião deste site.