Comportamento

“Médica mais tatuada do mundo” revela que foi expulsa de lojas e restaurantes por sua aparência!

Mesmo em uma profissão de tanto valor, ela ainda sofre com preconceitos de pessoas que não a aceitam por causa da sua aparência.



Sarah Gray, de Adelaide, na Austrália, é uma médica dedicada, que faz residência cirúrgica em um hospital e tem um trabalho muito importante: salvar vidas.

No entanto, ela é diferente da maioria de seus colegas por conta de sua aparência. Ao contrário dos médicos que estamos acostumados a ver, ela tem a pele coberta por tatuagens, usa piercings e tem o cabelo e a sobrancelha coloridos.

Por mais impacto que isso possa causar em muitas pessoas, a médica disse ao Daily Mail que dentro do hospital, seja com os colegas de profissão ou com os pacientes, ela nunca teve nenhum problema sério por causa de preconceito.


Isso também se deve ao fato de que ela sempre trabalhou muito para ter o seu espaço e provar sua capacidade. Onde a médica realmente passa por situações desconfortáveis, de falta de aceitação, é nas ruas.

Direitos autorais: reprodução Instagram/@rosesarered_23.

Sarah, que se denomina “a médica mais tatuada do mundo”, afirmou que já foi ignorada por vendedores de lojas de alto padrão por conta da sua aparência. Certa vez, ela procurava um sapato de grife para o seu aniversário em uma loja, e foi dispensada por três vendedores, até que desistiu e foi embora.

Em outro episódio, enquanto almoçava com um amigo, o gerente lhe pediu que fosse embora, porque tinham uma política de “sem tatuagens visíveis”.  Também já chegou a ter o acesso negado a um cassino.


Ela diz que fica bastante ofendida quando é julgada como uma pessoa perigosa por conta das tintas em sua pele. Longe de se esconder ou se envergonhar de quem é, Dra. Gray, que é apaixonada pelas tattoos desde muito cedo, considera-se uma “colecionadora de arte”.

A médica ainda acredita que as artes em sua pele a ajudaram muito a encontrar confiança corporal, ao mesmo tempo em que lhe permitiram expressar sua individualidade de maneira criativa.

Embora passe por situações negativas por conta das tatuagens, Dra. Gray disse que elas também lhe trouxeram muitos benefícios, como ter encontrado a sua “alma gêmea” e amigos espalhados pelo mundo todo.

Direitos autorais: reprodução Instagram/@rosesarered_23.


Em entrevista ao Medscape, ela também explicou que a sua aparência faz com que alguns pacientes mais jovens e também tatuados a enxerguem como mais “acessível” do que os outros médicos.

Mostrando-se ao mundo com autenticidade, a médica espera que seu exemplo os inspire a não julgar as pessoas por sua aparência. Ao Daily Star, ela deu uma declaração de muito significado, que dá a todos o que pensar: “Se você é confiante e competente em seu trabalho, sua aparência não deve importar.”

Poderosa simpatia do limão para afastar pessoas maldosas e negativas da sua vida!

Artigo Anterior

Desempregado e sem casa, pai se muda com filho deficiente para caminhão que usa para trabalhar!

Próximo artigo

Os comentários são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião deste site.