Família

Médico entra em cirurgia e não consegue se despedir do pai, que estava morrendo: “Ele me apoia”

Esse médico provou ter uma força emocional e caráter incríveis em uma situação muito complicada. Confira!



A profissão de médico exige uma responsabilidade muito grande, pois esses homens e mulheres trabalham diretamente com vidas, e precisam estar prontos a qualquer momento para dar o seu melhor aos pacientes.

Em diversos momentos, precisam deixar suas vidas pessoais completamente de lado para cuidar da vida das pessoas que deles dependem. Alguns médicos em especial dão uma prova incrível de profissionalismo e hombridade. Esse é o caso do doutor Zhang Xinzhi, da China. Há alguns anos, seu pai estava bastante doente, algo que o preocupava.

Em determinado dia, segundo informações do Oriental Daily, Xinzhi estava trabalhando e queria ver o pai, no entanto, sabendo que alguns pacientes também estavam em apuros e precisando do seu trabalho, ele optou por realizar uma cirurgia antes de ir embora.


Durante a operação, seu celular tocou duas vezes, mas ignorou e se concentrou naquilo que estava fazendo. Infelizmente, logo depois, ele ficou sabendo que o pai havia falecido. Essa notícia, como se pode imaginar, foi um grande choque para ele, especialmente porque não teve como se despedir e estar ao lado do pai nos momentos finais.

Direitos autorais: reprodução/Oriental Daily.

No entanto, o médico, em uma atitude nobre, de muita responsabilidade, apenas segurou as lágrimas e continuou fazendo o seu trabalho com maestria, deixando o paciente em segurança. Apenas quando a cirurgia terminou, Xinzhi pôde expressar sua dor por meio de um choro emocionante.

No momento muito difícil que estava passando, Zhang Xinzhi disse que estava muito triste e lamentava muito por não ter conseguido ver o pai antes de sua morte. Apesar disso, ele afirmou que é um médico, por isso salvar os seus pacientes é ainda mais importante.


O chinês também disse que acredita que seu pai o teria apoiado naquela situação, porque ele não era apenas o seu filho, mas também um doutor. A notícia da escolha de Xinzhi se espalhou no hospital e na área local, fazendo com que ele recebesse muito reconhecimento e elogios de diversas pessoas. No entanto, ele não acredita que mereça tanto. Para o médico, todos os profissionais da área passarão por uma situação como essa algum dia.

Direitos autorais: reprodução/Oriental Daily.

Com certeza, não deve ter sido nada fácil para ele receber uma notícia tão triste em um momento delicado como uma cirurgia. Deixamos aqui o nosso reconhecimento a todos os médicos que fazem o seu melhor pelos pacientes, independentemente de suas dores pessoais.


Mãe perdoou homem que matou sua filha e lutou para que não fosse preso: “Não é um criminoso”

Artigo Anterior

Após 4 anos de espera, pai solteiro consegue concluir adoção: “Estou feliz e realizado”

Próximo artigo

Os comentários são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião deste site.